Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Por que alguns países ocidentais não querem libertação de Idlib?

A libertação de Idlib marcará a vitória total das forças governamentais e o fracasso dos planos de países ocidentais de derrubar as autoridades legítimas sírias.
Sputnik

No entanto, segundo Pierre Le Corf, ativista francês que vive em Aleppo, a tarefa não será fácil. 


"Será muito difícil libertar Idlib, porque todas as forças da coalizão lideradas pelos EUA e governos [ocidentais] envolvidos na guerra até o momento se opõem à libertação da província", disse Le Corf à Sputnik França.

Ele comentou que assim que a província síria de Idlib for libertada, terá que "libertar as zonas ocupadas ilegalmente pelos EUA, França e até pela Itália no norte do país". Por esse motivo, nenhum desses países quer a libertação da província.

Le Corf salientou que a intenção de manter o status atual poderia levar a "um massacre da população civil de Idlib", referindo-se às múltiplas advertências dos militares sírios e russos sobre a possível encenação de ataques químicos com o prop…

Você quer tecnologia adicional? Tanque sírio é flagrado usando painel solar

Foi publicada recentemente a imagem de um tanque T-72 do Exército sírio com um painel solar bem grandinho na parte dianteira da torre.


Sputnik

O analista militar Andrei Tarasenko publicou a imagem em seu blog com a seguinte mensagem: "Aprenda, Elon Musk." Nessa conexão, alguns internautas escreveram vários comentários sarcásticos e houve até quem dissesse que seria "capaz de recarregar celulares".


Entretanto, Anton Valaguin, colunista do jornal Russkoe Oruzhie explicou que, de fato, o painel solar poderia fornecer energia para o equipamento do tanque eletrônico, incluindo sistemas de rádio e de observação enquanto o blindado estivesse estacionado.

A ausência de uma unidade auxiliar de potência é um problema conhecido de tanques soviéticos, visto que a necessidade de ligar o motor para pôr o equipamento eletrônico em funcionamento resulta em certas desvantagens, indica Valugin.

"É muito complicado e caro ligar o motor sempre que você quiser falar por rádio ou ainda analisar um objeto suspeito a uma longa distância. Além disso, quando o motor está ligado, a posição do tanque é revelada", explicou o colunista.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas