Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

Você quer tecnologia adicional? Tanque sírio é flagrado usando painel solar

Foi publicada recentemente a imagem de um tanque T-72 do Exército sírio com um painel solar bem grandinho na parte dianteira da torre.


Sputnik

O analista militar Andrei Tarasenko publicou a imagem em seu blog com a seguinte mensagem: "Aprenda, Elon Musk." Nessa conexão, alguns internautas escreveram vários comentários sarcásticos e houve até quem dissesse que seria "capaz de recarregar celulares".


Entretanto, Anton Valaguin, colunista do jornal Russkoe Oruzhie explicou que, de fato, o painel solar poderia fornecer energia para o equipamento do tanque eletrônico, incluindo sistemas de rádio e de observação enquanto o blindado estivesse estacionado.

A ausência de uma unidade auxiliar de potência é um problema conhecido de tanques soviéticos, visto que a necessidade de ligar o motor para pôr o equipamento eletrônico em funcionamento resulta em certas desvantagens, indica Valugin.

"É muito complicado e caro ligar o motor sempre que você quiser falar por rádio ou ainda analisar um objeto suspeito a uma longa distância. Além disso, quando o motor está ligado, a posição do tanque é revelada", explicou o colunista.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas