Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel concentra mais forças na fronteira com Faixa de Gaza e está pronto a agir

As Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês) concentraram mais forças na fronteira com a Faixa de Gaza e estão prontas para usá-las se for necessário, comunica a assessoria da entidade militar.
Sputnik

A decisão foi tomada no decurso da reunião no Estado-Maior e é uma resposta aos combates de ontem (11), que causaram morte de um militar israelense e sete palestinos.


"As IDF aumentaram suas forças no Distrito Sul e estão dispostas, se for preciso, a agir com mais vigor", destaca o comunicado da entidade.

No decurso da operação militar que teve lugar no enclave palestino neste domingo (11) um tenente coronel de uma unidade especial israelense foi morto. Ao mesmo tempo, a parte palestina perdeu sete homens, inclusive um comandante militar. Após os confrontos, os palestinos lançaram 17 mísseis contra o sul de Israel, dois deles foram interceptados pelos sistemas de defesa antiaérea Iron Dome (Cúpula de Ferro).

Foi igualmente informado que, tendo em conta a situação, o prim…

Ataque de homem-bomba deixa mortos e feridos no Afeganistão

Segundo autoridades locais citadas pela agência Reuters, 22 pessoas morreram e outras 23 ficaram feridas.


Por G1

Um homem-bomba se explodiu nesta terça-feira (11) na província de Nangarhar, no leste Afeganistão, provocando mortos e feridos.

Resultado de imagem para estrada entre a cidade de Jalalabad e a fronteira com o Paquistão
Reprodução


O ataque ocorreu em uma estrada entre a cidade de Jalalabad e a fronteira com o Paquistão, onde era realizada uma manifestação com a presença de centenas de pessoas. Os manifestantes protestavam contra uma milícia local.

Segundo autoridades locais citadas pela agência Reuters, 22 pessoas morreram e outras 23 ficaram feridas.

Até o momento, nenhum grupo reivindicou o ataque.

A província de Nangarhar, na fronteira com o Paquistão, tem sido uma das regiões mais voláteis do Afeganistão neste ano, com uma série de ataques suicidas e ataques à capital da província, Jalalabad. Também é, desde o início de 2015, uma das principais fortalezas dos combatentes do grupo extremista Estado Islâmico.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas