Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Conheça a história do caça-bombardeiro alemão Ho 229

Walter Horten servia a Força Aérea alemã como piloto de caça na Batalha da Grã-Bretanha em 1940. Por sua vez, Reimar Horten, seu irmão, era designer e especialista em aerodinâmica.


Sputnik

Em 1943, o chefe da Luftwaffe (Força Aérea alemã), Herman Goering, afirmou que o novo avião deveria responder a três requisitos, sendo eles: uma carga de bombas de 1.000 kg, um raio de ação de 1.000 km e respectivo regresso e uma velocidade com carga de 1.000 km/h, assim poderia atingir alvos na Inglaterra. Dessa forma, os irmãos Horten anunciaram que isso seria possível apenas em aeronaves equipadas com motores a jato, conforme publicação de Sebastien Roblin da revista The National Interest.

E9ebdd grand theft auto v 05.04.2017   22.46.42.01
Horten Ho 229 | Reprodução

O Horten IX tornou-se um projeto oficial em setembro de 1944, quando passou a ser chamado de Ho 229 e que deveria ser produzido em massa. Os primeiros testes do protótipo Ho 229 V1 foram realizados em Gottingen, em março de 1944. Subsequentemente, o protótipo V2 foi equipado com motores turbojato Junkers Jumo 004B e, além disso, foi equipado com assento ejetor e trem de pouso triciclo para habilitar a aeronave a transportar cargas pesadas.

Imagem relacionada
Horten Ho 229 | Reprodução

O primeiro voo do projeto V2 ocorreu em 2 de fevereiro de 1945, sendo relatado pelo piloto que a aeronave tinha uma excelente aerodinâmica. Porém, no segundo teste, realizado em 18 de fevereiro de 1945, a aeronave apresentou pane no motor, tombando durante a tentativa de pouso e ocasionando a morte do piloto de teste, tenente Erwin Ziller. No entanto, Goering já havia aprovado a produção de 40 unidades, que seriam produzidas pela Gothaer Waggonfabrik e que geralmente produzia planadores de treinamentos e militares durante a Segunda Guerra Mundial. A produção dos Horten foi designada de Ho 229 ou Go 229.

Resultado de imagem para Ho 229
Horten Ho 229 | Reprodução

O Ho 229 possuía uma ótima velocidade, fazendo com que acreditassem que a versão de série seria capaz de atingir os 975 km/h, fazendo com que Horten planejasse um terceiro protótipo equipado com canhões Mark 103 de 30 mm. Porém, em abril de 1945, durante o período final da guerra, os militares americanos se esforçaram para capturar avançadas pesquisas alemãs, dentre elas conseguiram obter um planador e um Horten Ho 229 V3, que estava em fase final de montagem.

Na época, os americanos se iniciaram na produção de aeronaves turbojato de compressor axial, inclusive sendo comparadas com o bombardeiro B-2 americano devido a semelhança, provocando reivindicações por parte de Reimar Horten.

O modelo Ho 229, que deveria ser produzido, teria duas turbinas 004B-1, uma velocidade máxima de 959 km/h, alcance de 2.800 km e teto de 15.750 m, além disso, seria equipado com dois ou quatro canhões MK108 de 30 mm.

Horten Ho 229 | Reprodução

O Ho 229 poderia ter sido um adversário formidável nos céus da Segunda Guerra Mundial, mas o avião não ficou pronto para produção em massa até o fim da guerra devido à captura americana durante a fase final de montagem.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas