Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Defesa russa: avião Il-20 foi derrubado por mísseis sírios S-200

De acordo com o ministério russo, o sistema de defesa aérea sírio tentava atacar um avião de Israel. No entanto, a tripulação israelense fez uma manobra especial para se proteger, e o míssil acabou atingindo acidentalmente o avião russo Il-20.
Sputnik

O avião Il-20 desapareceu dos radares em 17 de setembro, por volta das 23h do horário de Moscou, (17h em Brasília) durante o retorno planejado à base aérea de Hmeymim, acima do território do mar Mediterrâneo, a 35 quilômetros da costa da Síria, informou o comunicado do Ministério da Defesa da Rússia. O represente oficial da Defesa russa, Igor Konashenkov sublinhou que os aviões israelenses "propositalmente criaram uma situação perigosa para navios e aviões nessa região".

Na opinião dele, para evitar o ataque sírio, a tripulação israelense acabou tornando o Ilyushin-20 alvo de ataque.

"Ao tentarem proteger-se com ajuda do avião russo, os pilotos israelenses o puseram debaixo de fogo do sistema de defesa antiaérea da Síria"…

Filho de líder do Daesh foi morto durante operação na Síria, diz imprensa

No início de maio, autoridades iraquianas relataram a possibilidade de que o líder da Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, esteja operando fora da área desértica perto da fronteira da Síria com o Iraque, uma das poucas partes do país que a organização continua a controlar.


Sputnik

Hudayfah al-Badri, filho do líder do Daesh, Abu Bakr al-Baghdadi, foi morto na província central de Homs na Síria, de acordo com o canal 4 do canal Telegram, que monitora a atividade dos terroristas.

O retrato de Abu Bakr al Baghdadi
CC BY 2.0 / thierry ehrmann / Abu Bakr al Baghdadi, painted portrait

O canal informou que al-Badri foi assassinado durante um ataque de militantes nas posições de forças sírias e russas localizadas perto de uma das usinas termelétricas na província de Homs.

Em 8 de maio, a Fox News citou Abu Ali al-Basri, diretor-geral do escritório de inteligência e contraterrorismo do Ministério do Interior iraquiano, dizendo que acredita-se que o líder do Daesh ainda esteja solto.

"A última informação que temos é que ele [al-Baghdadi] está em Al-Hajin, na Síria, a 18 milhas da fronteira na província de Deir ez-Zor", disse Abu Ali al-Basri.

O general Yahya Rasool, porta-voz do Ministério da Defesa do Iraque e do Comando de Operações Conjuntas, confirmou a localização de al-Baghdadi na fronteira leste do rio Eufrates, em uma área ainda controlada pelos terroristas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas