Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Mídia europeia explica como sistema russo S-400 se tornou 'hit de exportações'

Os sistemas russos de defesa antiaérea S-400 têm gerado cada vez mais interesse por parte dos outros países e se tornaram mesmo um "hit de exportações" no mercado internacional de armamentos, opina a mídia alemã.
Sputnik

Segundo escreveu o jornal Die Welt, a China adquiriu este sistema em janeiro deste ano, a Turquia irá recebê-lo no ano que vem e, em outubro passado, a Índia passou também a estar entre os importadores desta arma, assinando um contrato no valor de mais de 5 bilhões de dólares (quase 19 bilhões de reais) com a empresa estatal russa de exportação de armas.


Em opinião dos especialistas citados pela edição, no que tange às características técnicas, os complexos S-400 superam os análogos norte-americanos. Em particular, os S-400 são capazes de eliminar alvos diferentes em altitudes de até 30 quilômetros, em um raio de 400 quilômetros, podendo ser equipados com mísseis de alcances diferentes.

Já o conhecido sistema norte-americano Patriot, instalado inclusive na Europ…

Marinha russa receberá 2 novas fragatas até o fim de 2022

A Marinha russa receberá 2 novas fragatas do projeto 22350 até o final de 2022, segundo o diretor-geral da Severnaya Verf, Igor Ponomaryov.


Sputnik

O projeto 22350 conta com quatro navios, sendo eles as fragatas Admiral Gorshkov, Admiral Kasatonov, Admiral Golovko e Admiral Isakov, que entrarão em serviço da Frota do Norte e do Pacífico entre 2020 e 2022.

Fragata russa Admiral Gorshkov
Fragata russa Admiral Gorshkov © Sputnik / Alexei Danichev

A fragata Admiral Gorshkov foi entregue à Marinha em julho deste ano, enquanto a fragata Kasatonov está passando por testes operacionais e será entregue em 2019.

Ponomaryov enfatizou que o problema da unidade propulsora já foi resolvido e que em 2019 os estaleiros Severnaya Verf receberão da empresa russa NPO Saturn os novos motores de turbina a gás, anteriormente produzidos na Ucrânia.

As fragatas de 135 metros de comprimento deslocam 5.000 toneladas e possuem uma autonomia de mais de 4.000 milhas náuticas. Além disso, serão equipadas com mísseis antissubmarino e antinavio e um canhão principal de 130 mm A-192M. Elas receberão também o sistema naval de defesa antiaérea Poliment-Redut e 16 lançadores de mísseis antinavio Onyks ou Kalibr.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas