Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA: sanções contra Venezuela servem como 'alerta para atores externos, incluindo Rússia'

Na última terça-feira (17), o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, culpou a Rússia e a Venezuela pela crise de refugiados observada no país latino-americano.
Sputnik

O conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, anunciou nesta quarta-feira (17) que os EUA estão impondo uma nova rodada de sanções contra a Venezuela, acrescentando o banco central do país à lista de restrições. 

Segundo o conselheiro de Segurança Nacional, as sanções recém-aplicadas deveriam se tornar um alerta para "todos os atores externos, inclusive a Rússia".

Desde o início da crise política na Venezuela no início deste ano, os EUA impuseram várias rodadas de sanções, visando os setores petrolífero e bancário do país, bem como indivíduos ligados às autoridades do país.

A Venezuela está sofrendo grave crise política desde janeiro. Junto com outros países ocidentais, os EUA apoiam Juan Guaidó, que se proclamou presidente interino da Venezuela. Ao mesmo tempo, Rússia, China e Turquia, entre outros…

Trump revela 'pior erro' em toda a história dos EUA

Para o presidente norte-americano Donald Trump, o deslocamento de tropas americanas ao Oriente Médio representa o pior erro dos EUA.


Sputnik

"O pior erro já cometido em toda a história do nosso país: termos ido ao Oriente Médio pelo presidente Bush", afirmou Trump em entrevista ao The Hill. Ademais, na opinião dele, o então presidente Barack Obama também teria cometido um erro ao retirar os soldados da área, mas nada se compara ao erro cometido por Bush.

Militares americanos no Iraque, foto de arquivo
Militares dos EUA no Iraque © AP Photo / Jim MacMillan

Entretanto, o mandatório norte-americano lembrou que os EUA sofreram perdas numerosas de pessoal e gastaram US$ 7 trilhões na operação militar no Oriente Médio.

"Para mim, trata-se do pior erro já cometido em toda a história do nosso país. Dá para entender uma guerra civil. Guerra civil é uma guerra civil. É diferente. Para nós, a ida para o Oriente Médio foi simplesmente um dia ruim para nosso país, eu vou te dizer", destacou.

De acordo com dados da Universidade Brown, até setembro de 2017, os EUA gastaram US$ 5,6 trilhões em duas guerras e também em ações de combates no Paquistão e na Síria. Além do mais, essa soma inclui despesas em segurança nacional e assistência médica aos veteranos da guerra.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas