Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares juntam-se à polícia em protesto dos "coletes amarelos". Há 31 detidos

Os militares da operação antiterrorista "Sentinela" foram mobilizados para proteger as principais instituições francesas. Ao final da manhã, os coletes amarelos eram ainda em pequeno número na capital e quase invisíveis entre a população.
Diário de Notícias

As forças armadas francesas juntaram-se à polícia, este sábado, em Paris, para enfrentar o 19º fim de semana consecutivo de protestos dos coletes amarelos contra o governo do presidente Emmanuel Macron. Ao final da manhã, com os locais habituais de manifestação interditos e o reforço militar junto às principais instituições francesas, os "coletes amarelos" passavam quase despercebidos entre turistas e parisienses.

Segundo a Reuters, o governo francês decidiu mobilizar os militares da operação antiterrorista "Sentinela", depois de ter proibido os manifestantes de se reunirem nos Campos Elísios, onde no último fim de semana dezenas de lojas foram destruídas e algumas completamente pilhadas.

Além da presença …

URGENTE: Fragata Niterói sofre alagamento e aderna no cais da BNRJ

A Fragata Niterói (F40) sofreu um alagamento e está adernada no cais da Base Naval do Rio de Janeiro (BNRJ).


Poder Naval

A Niterói inclinou-se para boreste e tem a fragata Greenhangh (F46) a contrabordo, por bombordo.


Fragata Niterói (F40) | Reprodução

Ainda não há informações da Marinha sobre o acidente.

Iremos atualizando este post à medida que mais informações estejam disponíveis.

Histórico

A fragata Niterói – F 40, é o quinto navio a ostentar esse nome na Marinha do Brasil, em homenagem a cidade homônima, antiga capital do Estado do Rio de Janeiro. A Niterói foi a primeira de uma série de seis fragatas encomendadas em 20 de setembro de 1970 como parte do Programa de Renovação e Ampliação de Meios Flutuantes da Marinha, e a primeira construída pela Vosper Thornycroft Ltd., em Woolston, Hampshire, Inglaterra.


Teve sua quilha batida em 8 de junho de 1972, foi lançada e batizada em 8 de fevereiro de 1974. Fez-se ao mar pela primeira vez em 8 de janeiro de 1976, iniciando as provas de mar e máquinas que se estenderam até o final de maio, sob supervisão do construtor e do Grupo de Recebimento.

Foi aceita e incorporada em 20 de novembro de 1976 em cerimônia realizada no cais 47 do porto de Southampton. Naquela ocasião, assumiu o comando, o Capitão-de-Mar-e-Guerra João Baptista Paoliello.

Atualização – 11h17

Chegou a informação extraoficial de que a água do mar teria entrado por um dos eixos do navio, devido ao estado de conservação do casco.

Nota da Marinha sobre o alagamento na fragata Niterói

MARINHA DO BRASIL
COMANDO EM CHEFE DA ESQUADRA

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Niterói-RJ.
Em 08 de setembro de 2018.

A Marinha do Brasil, por meio do Comando em Chefe da Esquadra, informa que, na madrugada deste sábado, 8 de setembro, ocorreu um alagamento na Fragata “Niterói” (F40), atracada na Base Naval do Rio de Janeiro, decorrente de avaria em rede de água salgada.

O incidente foi prontamente combatido pelo Pessoal de serviço da Fragata, com o apoio de outros navios da Marinha atracados nas proximidades.

A situação foi normalizada, estando o navio com suas condições normais de estabilidade. Não houve acidente de pessoal nem danos ao material.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas