Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel concentra mais forças na fronteira com Faixa de Gaza e está pronto a agir

As Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês) concentraram mais forças na fronteira com a Faixa de Gaza e estão prontas para usá-las se for necessário, comunica a assessoria da entidade militar.
Sputnik

A decisão foi tomada no decurso da reunião no Estado-Maior e é uma resposta aos combates de ontem (11), que causaram morte de um militar israelense e sete palestinos.


"As IDF aumentaram suas forças no Distrito Sul e estão dispostas, se for preciso, a agir com mais vigor", destaca o comunicado da entidade.

No decurso da operação militar que teve lugar no enclave palestino neste domingo (11) um tenente coronel de uma unidade especial israelense foi morto. Ao mesmo tempo, a parte palestina perdeu sete homens, inclusive um comandante militar. Após os confrontos, os palestinos lançaram 17 mísseis contra o sul de Israel, dois deles foram interceptados pelos sistemas de defesa antiaérea Iron Dome (Cúpula de Ferro).

Foi igualmente informado que, tendo em conta a situação, o prim…

Veículos blindados Foxhound do Reino Unido estão quebrando no Afeganistão por causa do calor

Os veículos blindados Foxhound, do Exército Britânico, no Afeganistão, estão quebrando uma vez por semana por causa do superaquecimento, informou o jornal britânico Times.


Forças Terrestres

O risco para os soldados aumenta se eles tiverem que sair do carro, informou o jornal, citando o major Andy Brown, do Royal Electrical and Mechanical Engineers.

Foxhound no Afeganistão
Foxhound no Afeganistão

“É por isso que usamos equipamentos de proteção individual. Não é uma aposta, é um risco calculado. Como qualquer peça do kit, é preciso se precaver”, disse o oficial.

Segundo Brown, os problemas com os carros não afetaram as operações. No entanto, outra fonte, um sargento de infantaria, disse ao jornal que as tropas tiveram “alguns problemas com eles”.

Engenheiros do Exército foram capazes de resolver alguns dos problemas. Os carros são deixados na sombra quando fora de uso para mantê-los frios.

O brigadeiro Simon Humphrey, comandante das forças britânicas no Afeganistão, classificou os veículos como confiáveis ​​e ressaltou que nunca teve problemas com eles.

Um porta-voz do Exército apontou que os carros “salvaram vidas”, mas não deu detalhes sobre a frequência com que eles quebraram quando estavam em uma missão.

As tropas do Reino Unido no Afeganistão contribuem para uma missão internacional anti-terrorista. O Afeganistão tem sido atormentado por instabilidade e ameaças à segurança há anos.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas