Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA vão suspender Tratado INF se Rússia não cumprir acordo, diz vice-secretário de Estado

Os EUA vão suspender suas obrigações no Tratado INF, que trata a respeito armas nucleares de médio alcance, no dia 2 de fevereiro se a Rússia não apresentar provas de que está cumprindo o acordo, disse o vice-secretário de Estado.
Sputnik

Em outubro, o presidente dos EUA anunciou que seu país abandonaria o Tratado INF, assinado pelos Estados Unidos e pela União Soviética em 1987.


Trump argumentou que Moscou estava desenvolvendo mísseis que violam esse pacto.

Em 4 de dezembro, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse que Washington suspenderia sua adesão ao INF no prazo de 60 dias se a Rússia não voltasse a cumprir suas obrigações.

No entanto, a Rússia nega categoricamente todas as acusações. O líder russo, Vladimir Putin, declarou que Moscou se opõe à violação do Tratado INF, mas responderá se isso acontecer.

Ataque aéreo da coalizão internacional a Deir ez-Zor mata mais de 60 civis, diz mídia

Os ataques aéreos da coalizão internacional liderada pelos EUA contra duas aldeias na província síria de Deir ez-Zor levaram as vidas de 62 civis, comunica a mídia estatal.


Sputnik

"62 civis morreram, dezenas foram feridos na sequência de um ataque da aviação da coalizão internacional contra as aldeias de Al-Sousse e Al-Bubadran, no leste da província de Deir ez-Zor", informa a SANA.

Cidade de Deir ez-Zor
Deir ez-Zor, Síria © AFP 2018 / AHMAD ABOUD

Contudo, a agência não precisou a data concreta em que foram efetuados os ataques.

Nesta quinta-feira (18), uma fonte militar síria já comunicara à Sputnik que a coalizão internacional estaria efetuando ataques contra o povoado de Al-Sousse.

A coalizão de mais de 70 países liderada pelos EUA está conduzindo operações militares contra o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e em uma série de países) na Síria e no Iraque. No entanto, nem o governo sírio, nem as Nações Unidas concederam permissão para a operação no território sírio.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas