Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Expansão da OTAN na Europa é uma 'relíquia da Guerra Fria', diz Putin

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse em entrevista à imprensa sérvia publicada nesta quarta-feira (horário local) que a Rússia não quer uma nova corrida armamentista.
Sputnik

"Não vamos fechar os olhos ao desdobramento de mísseis de cruzeiro dos EUA [na Europa] e sua ameaça direta à nossa segurança. Teremos que tomar medidas eficazes de retaliação. Mas como país responsável e sensato, a Rússia não está interessada em uma nova corrida armamentista", afirmou.


Segundo o presidente russo, Moscou enviou em dezembro a Washington algumas propostas sobre a manutenção do Tratado INF. Além disso, Putin destacou que a Rússia está pronta para um diálogo sério com os Estados Unidos sobre toda a agenda estratégica.

No entanto, os Estados Unidos parecem ter uma política de "desmantelamento" em relação ao controle global de armas, acrescentou o presidente russo.

Durante a entrevista aos meios de comunicação sérvios, Putin também instou os parceiros ocidentais a estabelecer um …

Autoridades iranianas e alemãs enfatizam a execução do JCPOA

Autoridades iranianas e alemãs na quarta-feira sublinharam a implementação do Plano Integral de Ação Conjunta (JCPOA).


Pars Today

O vice-ministro das Relações Exteriores do Irã para Assuntos Políticos, Seyyed Abbas Araqchi, e o secretário estadual do Ministério das Relações Exteriores, Linder Tese, exploraram as vias para impedir o efeito das sanções ilegais dos Estados Unidos.

Autoridades iranianas e alemãs enfatizam a execução do JCPOA
Bandeiras do Irã e da Alemanha

Araqchi e Linder Tese salientaram a execução imediata do pacote de propostas da Europa, em particular os canais financeiros após a retirada dos EUA do acordo nuclear e a reimposição de suas sanções.

Os dois lados também concordaram em desenvolver sua cooperação bilateral.

Durante a reunião, Araqchi expressou forte protesto do Irã ao governo alemão pela extradição do diplomata iraniano Assadollah Assadi para a Bélgica.

Ele ressaltou que o Irã iria perseguir o caso através de canais diplomáticos.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas