Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares juntam-se à polícia em protesto dos "coletes amarelos". Há 31 detidos

Os militares da operação antiterrorista "Sentinela" foram mobilizados para proteger as principais instituições francesas. Ao final da manhã, os coletes amarelos eram ainda em pequeno número na capital e quase invisíveis entre a população.
Diário de Notícias

As forças armadas francesas juntaram-se à polícia, este sábado, em Paris, para enfrentar o 19º fim de semana consecutivo de protestos dos coletes amarelos contra o governo do presidente Emmanuel Macron. Ao final da manhã, com os locais habituais de manifestação interditos e o reforço militar junto às principais instituições francesas, os "coletes amarelos" passavam quase despercebidos entre turistas e parisienses.

Segundo a Reuters, o governo francês decidiu mobilizar os militares da operação antiterrorista "Sentinela", depois de ter proibido os manifestantes de se reunirem nos Campos Elísios, onde no último fim de semana dezenas de lojas foram destruídas e algumas completamente pilhadas.

Além da presença …

Consórcio FLV destaca proposta para construção integral de corvetas no Brasil

O consórcio “FLV” informou, nesta terça-feira (16), que segue empenhado no desenvolvimento do projeto para construção de quatro corvetas classe Tamandaré para a Marinha. 


Portos e Navios

O grupo, formado pela Fincantieri S.p.A, Leonardo S.p.A e pelo estaleiro Vard Promar (PE), destaca o fato de a proposta prever a construção integral dessas corvetas no Brasil, baseadas em projeto de propriedade da Marinha e com transferência total de tecnologia do CMS (sistema de gerenciamento de combate) e do IPMS (sistema integrado de gerenciamento de plataforma). 

Estaleiro Vard Promar (PE)

O FLV enfatiza que a proposta do consórcio foi feita por um grupo de solidez financeira e operacional, com conhecimento e histórico de sucesso da Fincantieri e da Leonardo na construção de navios e sistemas militares. O consórcio também aposta nas modernas instalações do Vard Promar, que não possui gargalos de construção, e que tem histórico de entrega de navios de alta complexidade. "O Vard Promar e todo o consórcio FLV estão muito contentes e orgulhosos por estarem na short list do RFP (solicitação de proposta) da Marinha do Brasil", destacou o vice-presidente sênior do Vard Promar, Guilherme Coelho.

Na última segunda-feira (15), a Marinha selecionou quatro propostas apresentadas pelos consórcios que disputam a construção das corvetas classe Tamandaré para a força naval. A 'short list' é formada pelos consórcios: “Águas Azuis”, “Damen Saab Tamandaré”, “FLV” e “Villegagnon”. Com a decisão, a construção desses navios está entre os estaleiros: Enseada (BA), Oceana (SC), Vard Promar (PE) e Wilson Sons (SP). Os investimentos previstos para construção das quatro unidades são da ordem de US$ 1,6 bilhão. A Marinha informou que a decisão sobre a melhor proposta está prevista para dezembro de 2018.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas