Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha da Argentina fala sobre localização do submarino ARA San Juan

Embarcação desaparecida há 1 ano foi localizada neste sábado a 907 metros de profundidade. Ainda não há previsão de início dos trabalhos de resgate. 'Não temos meios para resgatar o submarino', diz ministro.
Por G1

A Marinha da Argentina informou neste sábado (17) que o submarino ARA San Juan, que sumiu há 1 ano com 44 tripulantes, foi encontrado a 907 metros de profundidade em uma área de "visibilidade bastante reduzida", e que a embarcação sofreu uma "implosão" no fundo das águas do Oceano Atlântico.

Segundo Enrique Balbi, porta-voz da Marinha, a proa, a popa e a vela se desprenderam do submarino e estão localizadas em uma área de 80 a 100 metros. “Isso sugere que a implosão tenha ocorrido muito perto do fundo”, disse.

Segundo a Marinha, as imagens mostram que o casco do submarino permaneceu bastante intacto, apenas com algumas deformações, e que todas as outras partes se desprenderam. A implosão teria ocorrido em razão da pressão externa do mar ter superado …

EUA continuarão a usar munições de fragmentação para enfrentar Coreia do Norte

EUA desistiram dos planos de proibir o uso de munições de fragmentação, declarou o primeiro vice-secretário de Defesa Patrick Shanahan.


Sputnik

Segundo ele, essas armas serão mantidas para enfrentar a Coreia do Norte.


In this Oct. 5, 2016 photo, a Yemeni man displays an American-made CBU 58A/B, cluster bomb, in a police compound in Sanaa, Yemen. (AP Photo/Hani Mohammed)
Bomba de fragmentação norte-americana CBU 58A/B | Photo/Hani Mohammed - AP

"A revisão de nossa política esteve ligada à situação da Coreia do Norte. Durante os exercícios, surgiu-nos uma pergunta – como vamos enfrentar a Coreia do Norte? E então analisamos as munições que precisamos e as que já temos à nossa disposição", cita as palavras de Shanahan o portal Military.com.

Ele acrescentou que a substituição destas munições por outros tipos pode levar muito tempo.

O uso dessas armas é proibido pela Convenção sobre Munições de Fragmentação.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas