Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil simula resgate de civis em área de conflito ou desastre natural (VÍDEO)

A Marinha do Brasil realizou entre os dias 6 e 14 de novembro a Operação Atlântico, na praia de Itaoca, no Espírito Santo. A simulação deste ano treinou os oficiais para casos em que houvesse resgate de civis em uma área de conflito armado ou que foram alvos de desastres naturais.
Sputnik

Era por volta de 5h40 do dia 10 de novembro, um sábado, ainda estava amanhecendo, quando o Almirante Paulo Martinho Zucaro, Comandante da Força de Fuzileiros da Esquadra, olhou e disse para a reportagem da Sputnik Brasil: "É guerra".


A declaração foi dada para explicar os motivos de se realizar um treinamento deste porte mesmo em condições extremamente desfavoráveis. A chuva era forte, as ondas na beira da praia atingiam 1,5 metros e os ventos chegaram a 20 km/h. O nível de dificuldade preocupava o alto comando, mas não foi um problema para os fuzileiros e marinheiros.

Antes do amanhecer, sete Carros Lagarta Anfíbios (CLAnf) chegaram à praia e deram início ao desembarque. Após eles chegarem foi…

Exército brasileiro promove operação para combater o comércio ilegal de armas e munições

O Exército Brasileiro, por meio do Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados (SisFPC), inicia, em 16 de outubro de 2018, a operação “Alta Pressão VII”, que visa intensificar as medidas de fiscalização no comércio de armas de fogo e munições. A ação acontece em todo território nacional, envolvendo as doze Regiões Militares (RM).


DefesaNet

A operação, bem como as demais voltadas para a fiscalização de Produtos Controlados pelo Exército, tem causado um impacto direto na segurança pública. De acordo com o Centro de Operações de Produtos Controlados, responsável pelo monitoramento, 24 horas, sete dias por semana, da rede de fiscalização, em todo o País, essas ações têm alcançado relevantes resultados nacionais.


Todo o trabalho faz parte do projeto da nova governança do sistema implantado em 2015. A iniciativa tem provocado verdadeira transformação, com mudanças significativas em seus pilares, resultando em um sistema transformado, moderno e eficaz, que utiliza como modelo motivador o seu novo lema: “SisFPC: Você pode confiar!”.

Histórico:

Esta é a segunda operação do mesmo gênero este ano. Na primeira, “Operação Alta Pressão VI”, ocorrida de 19 a 22 de junho, o trabalho conjunto com o apoio das polícias federal e rodoviária federal, das polícias civil e militar, do corpo de bombeiros militar dos estados e das agências fazendárias dos níveis federal, estadual e municipal, resultou em 154 autuações e uma interdição, sendo apreendidas 158 armas de fogo, 30.195 munições, 105 airsoft (armas de pressão), 30 lunetas e 41 Kg de pólvora.

Foram empregados 774 militares do Exército e 367 integrantes dos Órgãos de Ordem e Segurança Pública e agências governamentais que, no total, percorreram a distância de mais de 100 mil quilômetros, fiscalizando 906 estabelecimentos comerciais.

Ambiente Interagências e Segurança Pública:

O Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados, coordenado pela Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados (DFPC), realiza operações de fiscalização de forma interagências, complementando o Poder de Polícia Administrativa do Exército, nessas situações operacionais, com o Poder de Polícia Judiciária dos Órgãos de Ordem e Segurança Pública.

Dessa forma, é possível atuar com maior eficácia contra os ilícitos encontrados, produzindo resultados mais expressivos e duradouros na promoção da segurança e do bem-estar da sociedade brasileira, pelo Exército Brasileiro, que nunca para.

Fonte: Verde Oliva

Postar um comentário

Postagens mais visitadas