Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Exército sírio encontra armas feitas nos EUA em esconderijos de terroristas em Damasco

Forças sírias descobriram incontáveis ​​depósitos de armas, munições e suprimentos fabricados no Ocidente e em Israel durante operações para limpar as áreas controladas por terroristas em todo o país nos últimos meses.


Sputnik

Autoridades da cidade de Yalda, a cerca de 10 quilômetros ao sul da capital síria, descobriram um grande estoque de armas e munições cuidadosamente escondidas dentro de um tanque de plástico em uma fazenda local abandonada por militantes, segundo a Agência de Notícias Árabe Síria.


A imagem pode conter: atividades ao ar livre
Reprodução Facebook


A descoberta incluiu rifles sniper no padrão da OTAN, uma arma anti-tanque portátil LAW, equipamento de visão térmica e noturna, granadas e dispositivos explosivos improvisados, bem como vários lançadores de RPG, fuzis Kalashnikovs e Dragunov.

Acredita-se que os militantes esconderam as armas no início deste ano antes de evacuarem da área para Idlib.

Tropas sírias concluíram a libertação dos subúrbios de Damasco de uma coleção heterogênea de milícias majoritariamente jihadistas no final de maio. Em meio a ofensivas bem-sucedidas na região de Damasco, Aleppo, Da'ara e outros lugares, militantes foram evacuados para Idlib, no noroeste da Síria, com a província se tornando o reduto final de terroristas e outros grupos armados de oposição. Estima-se que dezenas de milhares de militantes estejam concentrados na região, misturados a uma população civil de aproximadamente três milhões de pessoas.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas