Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares revelam como suas vidas foram destruídas pelo Exército dos EUA

O Twitter oficial do Exército dos EUA realizou uma pesquisa para averiguar como o serviço impactou a vida de seus militares.
Sputnik

Atualmente, mais de 9.000 pessoas já compartilharam suas opiniões. Apesar de constatarem que o serviço no Exército fortalece fisicamente e emocionalmente as pessoas, dando algum sentido às suas vidas e abrindo perspectivas profissionais, há muitos outros comentários com declarações céticas e críticas sobre a influência do Exército dos EUA no mundo, no país e na sua vida pessoal.

Várias pessoas compartilharam histórias de seus familiares que cometeram suicídio, sofreram de transtorno por estresse pós-traumático, passaram por mudanças radicais de caráter e comportamento ou deixaram de ser saudáveis depois de participarem em ações militares dos EUA.

Além disso, há aqueles cujos familiares ou eles próprios foram abusados durante o serviço.

Outros usuários recordaram que os horrores da guerra deixam cicatrizes na mente.

Diversos outros usuários da rede social compa…

Florianópolis terá simpósio para operadores e pilotos de helicópteros

Pilotos e operadores de helicópteros têm encontro marcado no próximo dia 31, em Florianópolis, no Simpósio de Asas Rotativas, promovido pelo Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa V). 


DefesaNet

A programação vai ocorrer no Auditório Anita Garibaldi, na Base Aérea de Florianópolis, com palestras pela manhã e à tarde.


As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 25 de outubro, clicando AQUI– confira no hiperlink outras informações e o mapa para o local do curso.

As apresentações serão sobre segurança de voo de cheque de helicóptero, responsabilidade criminal em acidentes aeronáuticos, prevenção na manutenção, influencia aerodinâmica em ocorrências e análise de ocorrências aeronáuticas na região Sul. Apesar de gratuita, o Seripa V solicita a doação e brinquedos ou alimentos não-perecíveis, que serão encaminhados para entidades assistenciais.

Outras informações também pelo fone (51) 3462-1333.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas