Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares juntam-se à polícia em protesto dos "coletes amarelos". Há 31 detidos

Os militares da operação antiterrorista "Sentinela" foram mobilizados para proteger as principais instituições francesas. Ao final da manhã, os coletes amarelos eram ainda em pequeno número na capital e quase invisíveis entre a população.
Diário de Notícias

As forças armadas francesas juntaram-se à polícia, este sábado, em Paris, para enfrentar o 19º fim de semana consecutivo de protestos dos coletes amarelos contra o governo do presidente Emmanuel Macron. Ao final da manhã, com os locais habituais de manifestação interditos e o reforço militar junto às principais instituições francesas, os "coletes amarelos" passavam quase despercebidos entre turistas e parisienses.

Segundo a Reuters, o governo francês decidiu mobilizar os militares da operação antiterrorista "Sentinela", depois de ter proibido os manifestantes de se reunirem nos Campos Elísios, onde no último fim de semana dezenas de lojas foram destruídas e algumas completamente pilhadas.

Além da presença …

Florianópolis terá simpósio para operadores e pilotos de helicópteros

Pilotos e operadores de helicópteros têm encontro marcado no próximo dia 31, em Florianópolis, no Simpósio de Asas Rotativas, promovido pelo Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa V). 


DefesaNet

A programação vai ocorrer no Auditório Anita Garibaldi, na Base Aérea de Florianópolis, com palestras pela manhã e à tarde.


As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 25 de outubro, clicando AQUI– confira no hiperlink outras informações e o mapa para o local do curso.

As apresentações serão sobre segurança de voo de cheque de helicóptero, responsabilidade criminal em acidentes aeronáuticos, prevenção na manutenção, influencia aerodinâmica em ocorrências e análise de ocorrências aeronáuticas na região Sul. Apesar de gratuita, o Seripa V solicita a doação e brinquedos ou alimentos não-perecíveis, que serão encaminhados para entidades assistenciais.

Outras informações também pelo fone (51) 3462-1333.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas