Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

'Temos armas hipersônicas': Rússia dará resposta à saída dos EUA do Tratado INF, diz Putin

A Rússia não deixará a decisão dos Estados Unidos de retirar-se unilateralmente do tratado de armas nucleares sem resposta, garantiu o presidente russo Vladimir Putin, acrescentando que o país não precisa se unir a outra corrida armamentista.
Sputnik

Moscou ainda está pronta para continuar dialogando com Washington sobre o tratado bilateral que proíbe os mísseis de médio alcance, que se tornou uma das pedras angulares do desarmamento nuclear, disse o líder russo em uma reunião do governo em Sochi. Ainda assim, os EUA devem "tratar esta questão com total responsabilidade", disse o presidente, acrescentando que a decisão de Washington de retirar-se do acordo "não pode e não ficará sem resposta".


Estas não são ameaças vazias, advertiu Putin. Ele disse que a Rússia já havia advertido os EUA contra a saída do tratado ABM que regulamenta os sistemas de mísseis e avisou Washington sobre possíveis retaliações. "Agora, temos armas hipersônicas capazes de penetrar qualquer…

General Heleno descarta ação militar contra a Venezuela

Citado por Jair Bolsonaro como seu futuro ministro da Defesa, o general Augusto Heleno rechaçou a possibilidade de o Brasil participar de um plano militar para derrubar Nicolás Maduro, informa a Folha.


Forças Terrestres

Segundo o jornal, um alto funcionário do governo de Iván Duque na Colômbia, não identificado, afirmou que, se Bolsonaro ajudar a tirar do poder o ditador da Venezuela com uma intervenção militar, terá o apoio dos colombianos.


General Augusto Heleno | Reprodução

Para Augusto Heleno, essa hipótese “contraria os princípios das relações exteriores” do Brasil, que preveem a não ingerência em assuntos internos de outros países.

FONTE: O Antagonista

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas