Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Israel concentra mais forças na fronteira com Faixa de Gaza e está pronto a agir

As Forças de Defesa de Israel (IDF, na sigla em inglês) concentraram mais forças na fronteira com a Faixa de Gaza e estão prontas para usá-las se for necessário, comunica a assessoria da entidade militar.
Sputnik

A decisão foi tomada no decurso da reunião no Estado-Maior e é uma resposta aos combates de ontem (11), que causaram morte de um militar israelense e sete palestinos.


"As IDF aumentaram suas forças no Distrito Sul e estão dispostas, se for preciso, a agir com mais vigor", destaca o comunicado da entidade.

No decurso da operação militar que teve lugar no enclave palestino neste domingo (11) um tenente coronel de uma unidade especial israelense foi morto. Ao mesmo tempo, a parte palestina perdeu sete homens, inclusive um comandante militar. Após os confrontos, os palestinos lançaram 17 mísseis contra o sul de Israel, dois deles foram interceptados pelos sistemas de defesa antiaérea Iron Dome (Cúpula de Ferro).

Foi igualmente informado que, tendo em conta a situação, o prim…

Japão planeja construir base militar perto de territórios disputados com China

As autoridades japonesas planejam começar a construção de uma base das Forças Terrestres de Autodefesa em uma ilha próxima de territórios disputados com Pequim até o fim deste ano, relatou a Kyodo nesta segunda-feira (29).


Sputnik

Segundo a agência de notícias, citando fontes do governo, a base na ilha de Ishigaki, em Okinawa, terá uma guarnição de 500 a 600 efetivos, para além de baterias de mísseis terra-ar e terra-navio. 


Soldados das Forças de Autodefesa do Japão perto do sistema de defesa antimíssil Patriot, Tóquio, Japão
Militares japoneses próximos ao sistema antiaéreo Patriot © AFP 2018 / YOSHIKAZU TSUNO

Segundo os dados, a base em Ishigaki será implantada em uma área de 46 hectares (460 mil metros quadrados).

Como relatado anteriormente, o prefeito de Ishigaki, Yoshitaka Nakayama, apoia o plano do governo central de instalar uma bateria de mísseis na ilha para enfrentar o potencial crescimento bélico da China.

Ishigaki está situada a apenas 110 quilômetros ao sul das ilhas Senkaku (conhecidas na China como Diaoyu), que são objeto de disputa territorial entre a China e o Japão. O Japão alega que ocupa as ilhas desde 1895. Mas os chineses ressaltam que, nos mapas japoneses de 1783 e 1785, as Diaoyu são marcadas como território chinês. Depois da 2ª Guerra Mundial, as ilhas estavam sob controle dos EUA mas foram transferidas para o Japão em 1972.

Taiwan e a China continental afirmam que o Japão detém as ilhas de forma ilegal. Inversamente, Tóquio assinala que tanto Taiwan como a China começaram a reivindicar essas ilhas a partir da década de 1970, quando ficou provado que suas águas são ricas em recursos minerais.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas