Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Kiev colocou em Donbass estação de inteligência fabricada nos EUA, diz Lugansk

O funcionamento de uma estação de radar de reconhecimento de artilharia fabricada nos EUA foi observado na parte controlada por Kiev, anunciou o representante oficial da Milícia Popular de Lugansk.


Sputnik

"Na área residencial do povoado de Zolotoe, na área de responsabilidade da 14ª brigada mecanizada das Forças Armadas da Ucrânia, foi registrado o funcionamento de uma estação de radar de reconhecimento de artilharia AN/TPQ-48 de fabricação norte-americana", disse o representante oficial da entidade responsável pela defesa da República Popular de Lugansk (RPL), Andrei Marochko.


Resultado de imagem para AN/TPQ-48
Estação de radar de reconhecimento de artilharia AN/TPQ-48 em Zolotoye, Ucrãnia


Segundo ele, a estação fornece dados para cálculos de tiro de morteiros das Forças Armadas da Ucrânia que, segundo a Milícia da RPL, estão bombardeando áreas residenciais da república.

"O comando das Forças Armadas da Ucrânia continua a escalada da situação na região, aumentando suas forças e meios próximos da linha de contato. Com suas ações, as autoridades de Kiev sublinham sua atitude agressiva na resolução do conflito em Donbass", acrescentou Marochko.

Ele esclareceu que uma coluna de veículos, constituída por dois veículos de combate de infantaria BMP-1 e sete caminhões Ural com munições e combustível, chegou na área do povoado de Schastye.

As autoridades da Ucrânia lançaram em abril de 2014 uma operação militar contra as repúblicas populares de Donetsk e Lugansk, que declararam a independência após o golpe na Ucrânia em fevereiro de 2014. De acordo com os últimos dados da ONU, mais de 10 mil pessoas foram vítimas do conflito.

A questão da resolução da situação em Donbass está sendo discutida, inclusive durante as reuniões em Minsk do grupo de contato que, desde setembro de 2014, já adotou três documentos com medidas regulatórias para a desescalada do conflito. No entanto, mesmo após os acordos de cessar-fogo, a troca de tiros entre as partes em conflito continua.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas