Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Militares brasileiros embarcam nos navios das Marinhas da África do Sul, da Índia e do Uruguai

No período de 31 de agosto a 12 de outubro, um Grupo-Tarefa da Marinha do Brasil participou das operações “ATLASUR XI” e “IBSAMAR VI”. Nos dois exercícios, realizados na costa oeste da África do Sul, oficiais e praças da Marinha do Brasil tiveram oportunidade de embarcar em meios navais das Marinhas da África do Sul, da Índia e do Uruguai.


Poder Naval

O propósito dos embarques foi proporcionar o intercâmbio de conhecimentos e de melhores práticas entre os meios participantes das operações, de forma a permitir o incremento da interoperabilidade e a compreensão mútua entre os meios navais que participaram da operação.

Light-Line simultâneo entre a Corveta “Barroso”, Destroyer “Kolkata” e Fragata “Tarkashi”. Ao fundo, a Fragata “Amatola”
Light-Line simultâneo entre a Corveta “Barroso”, Destroyer “Kolkata” e Fragata “Tarkashi”. Ao fundo, a Fragata “Amatola”

Durante as operações, quatro oficias e uma praça da Marinha do Brasil embarcaram nos seguintes meios navais: Destroyer “Kolkata” e Fragata “Tarkash”, da Marinha da Índia; Submarino “Mantathisi” e Fragata “Amatola”, da Marinha da África do Sul; e Navio de Apoio Logístico “General Artigas”, da Armada do Uruguai. Além de acompanhar a execução das operações e ações de guerra naval, realizadas em cumprimento aos diversos exercícios programados, eles também observaram a condução administrativa de cada unidade.

Ao final das operações, os militares da Marinha do Brasil retornaram à Corveta “Barroso”, Navio Capitânia do Grupo Tarefa Brasileiro, para o regresso ao Brasil. A chegada da Corveta “Barroso” à Base Naval do Rio de Janeiro está prevista para a manhã do dia 28 de novembro deste ano.

FONTE: Marinha do Brasil

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas