Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares juntam-se à polícia em protesto dos "coletes amarelos". Há 31 detidos

Os militares da operação antiterrorista "Sentinela" foram mobilizados para proteger as principais instituições francesas. Ao final da manhã, os coletes amarelos eram ainda em pequeno número na capital e quase invisíveis entre a população.
Diário de Notícias

As forças armadas francesas juntaram-se à polícia, este sábado, em Paris, para enfrentar o 19º fim de semana consecutivo de protestos dos coletes amarelos contra o governo do presidente Emmanuel Macron. Ao final da manhã, com os locais habituais de manifestação interditos e o reforço militar junto às principais instituições francesas, os "coletes amarelos" passavam quase despercebidos entre turistas e parisienses.

Segundo a Reuters, o governo francês decidiu mobilizar os militares da operação antiterrorista "Sentinela", depois de ter proibido os manifestantes de se reunirem nos Campos Elísios, onde no último fim de semana dezenas de lojas foram destruídas e algumas completamente pilhadas.

Além da presença …

Novidade misteriosa: pequeno submarino de classe desconhecida é visto na China

O vídeo filmado no estaleiro de Jiangnan Shipyard em Xangai e publicado nas redes sociais da China mostra um pequeno submarino de classe ainda desconhecida.


Sputnik

A filmagem comprova que o submersível já está pronto. Segundo comunica a Covert Shores, a embarcação possui 50 metros de comprimento e entre 5 e 6 metros de diâmetro.


China voltou a lançar uma nova classe de submarinos que observadores ocidentais não estavam cientes até que surgiram em fóruns e mídias sociais chinesas

Pouco tempo atrás surgiram rumores sobre um submarino desconhecido de tamanho pequeno que estava sendo construído no estaleiro de Wuchang em Wuhan (China).

O relato foi divulgado pela agência britânica IHS Jane's, enquanto imagens foram tiradas via satélites.

Além disso, a agência informou que o estaleiro de Wuhan é o principal fabricante chinês de submarinos não nucleares.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas