Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil simula resgate de civis em área de conflito ou desastre natural (VÍDEO)

A Marinha do Brasil realizou entre os dias 6 e 14 de novembro a Operação Atlântico, na praia de Itaoca, no Espírito Santo. A simulação deste ano treinou os oficiais para casos em que houvesse resgate de civis em uma área de conflito armado ou que foram alvos de desastres naturais.
Sputnik

Era por volta de 5h40 do dia 10 de novembro, um sábado, ainda estava amanhecendo, quando o Almirante Paulo Martinho Zucaro, Comandante da Força de Fuzileiros da Esquadra, olhou e disse para a reportagem da Sputnik Brasil: "É guerra".


A declaração foi dada para explicar os motivos de se realizar um treinamento deste porte mesmo em condições extremamente desfavoráveis. A chuva era forte, as ondas na beira da praia atingiam 1,5 metros e os ventos chegaram a 20 km/h. O nível de dificuldade preocupava o alto comando, mas não foi um problema para os fuzileiros e marinheiros.

Antes do amanhecer, sete Carros Lagarta Anfíbios (CLAnf) chegaram à praia e deram início ao desembarque. Após eles chegarem foi…

Novo porta-aviões chinês Type 001A zarpa para terceira prova de mar

O primeiro porta-aviões totalmente construído na China, o Type 001A, embarcou em seu terceiro teste de mar no domingo, no qual o sistema de armas, o sistema de controle e o sistema de comunicações passarão por mais testes, disse um membro da equipe militar chinesa na segunda-feira.


Poder Naval

O Type 001A partiu do estaleiro de Dalian, na província de Liaoning, no nordeste da China, na manhã de domingo, informou o jornal Takungpao, de Hong Kong, na segunda-feira.


Porta-aviões chinês Type 001A

Wang Yunfei, um especialista naval e oficial aposentado da Marinha do Exército de Libertação Popular, disse ao Global Times na segunda-feira que o terceiro teste marítimo se concentrará no sistema de armas, sistema de controle e sistema de comunicações da embarcação.

No primeiro e segundo testes de mar, em maio e setembro, respectivamente, o porta-aviões havia testado seu sistema de geração de energia, observou Wang.

Embora muitos observadores militares esperem que as aeronaves transportadoras realizem testes de decolagem e aterrissagem no terceiro teste marítimo, Wang disse que pode ser muito cedo por enquanto, já que os testes para seus sistemas de comunicações, navegação e pouso devem ocorrer antes.

O porta-aviões está sendo acompanhado por um navio de transporte. Esta é a primeira vez que o navio se juntou ao Type 001A para um teste no mar, disse Takungpao.

“O navio de transporte não apenas fornecerá apoio, mas também se unirá a tarefas de fornecimento, como transferência de carga e reabastecimento”, disse Wang.

Um exercício militar está programado de domingo a 6 de novembro no norte do Mar Amarelo, segundo um comunicado divulgado na sexta-feira pela Administração de Segurança Marítima de Liaoning. Os navios estão proibidos de entrar na área designada, informou.

Takungpao disse que o exercício militar programado corresponde ao horário e local para o teste no mar, o que significa que o Type 001A deve retornar em 6 de novembro.

Sobre o futuro do porta-aviões, Wang disse que espera ver drones com asas dobráveis ​​no convés de voo.

A Aeromarine Intelligent Equipment Co. Ltd., da China Shipbuilding Industry Corporation, divulgou um comunicado no domingo dizendo que a empresa participará do China Airshow 2018 em Zhuhai, província de Guangdong, pela primeira vez em novembro.

A declaração veio com uma ilustração de um drone com asas dobráveis ​​codinome HK-5000G, que deverá estar em exibição no show aéreo.

No entanto, Wang disse que o desenvolvimento de drones baseados em porta-aviões na China ainda está em fase inicial e pode não ser implantado tão cedo.

FONTE: Global Times

Postar um comentário

Postagens mais visitadas