Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares revelam como suas vidas foram destruídas pelo Exército dos EUA

O Twitter oficial do Exército dos EUA realizou uma pesquisa para averiguar como o serviço impactou a vida de seus militares.
Sputnik

Atualmente, mais de 9.000 pessoas já compartilharam suas opiniões. Apesar de constatarem que o serviço no Exército fortalece fisicamente e emocionalmente as pessoas, dando algum sentido às suas vidas e abrindo perspectivas profissionais, há muitos outros comentários com declarações céticas e críticas sobre a influência do Exército dos EUA no mundo, no país e na sua vida pessoal.

Várias pessoas compartilharam histórias de seus familiares que cometeram suicídio, sofreram de transtorno por estresse pós-traumático, passaram por mudanças radicais de caráter e comportamento ou deixaram de ser saudáveis depois de participarem em ações militares dos EUA.

Além disso, há aqueles cujos familiares ou eles próprios foram abusados durante o serviço.

Outros usuários recordaram que os horrores da guerra deixam cicatrizes na mente.

Diversos outros usuários da rede social compa…

Potência chocante: reveladas novas FOTOS da versão argelina do tanque Т-90SА

Na Internet apareceram novas fotos da versão argelina do tanque Т-90SА, de produção russa, que mostrou seu poder durante ações de combate na Síria.


Sputnik

Esses veículos de combate se diferençam de seus antecessores pela presença de sistemas de supressão eletro-ópticos Shtora-1, que permitem anular com eficácia a orientação dos mísseis guiados antitanque mais usados e neutralizar o funcionamento de aparelhos de pontaria a laser.


Tanque T-90
Tanque T-90 © Sputnik / Ramil Sitdikov

As tecnologias de ponta da indústria militar russa demonstraram suas altas caraterísticas no Т-90 e no Т-90А durante as ações de combate na Síria. Foi comunicado que no decorrer de ações ofensivas os sistemas Shtora protegeram não apenas seus próprios veículos de combate, mas também os tanques sem tais sistemas instalados que os seguiam.


Tanque de combate principal T-90SA argelino com Shtora durante Exercícios Adoha 2018 na 5ª região militar em 15 de outubro de 2018… Um verdadeiro tanque poderoso

Quanto à Argélia, os primeiros sistemas de supressão eletro-ópticos foram vistos lá no verão de 2016. Ainda não há dados precisos sobre a quantidade de veículos equipados com tal defesa antimíssil.


Tanque de combate principal T-90SA argelino com Shtora durante Exercícios Adoha 2018 na 5ª região militar em 15 de outubro de 2018… Um verdadeiro tanque poderoso

No total, no Exército desse país da África do Norte há 360 tanques em serviço e é bem provável que com o tempo e aperfeiçoamento necessário todos os veículos receberão sistemas Shtora-1.

Hoje em dia, os Т-90SА e os Т-72М1 modernizados com ajuda da Rússia representam a base do poder de ataque do Exército da Argélia.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas