Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Expansão da OTAN na Europa é uma 'relíquia da Guerra Fria', diz Putin

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse em entrevista à imprensa sérvia publicada nesta quarta-feira (horário local) que a Rússia não quer uma nova corrida armamentista.
Sputnik

"Não vamos fechar os olhos ao desdobramento de mísseis de cruzeiro dos EUA [na Europa] e sua ameaça direta à nossa segurança. Teremos que tomar medidas eficazes de retaliação. Mas como país responsável e sensato, a Rússia não está interessada em uma nova corrida armamentista", afirmou.


Segundo o presidente russo, Moscou enviou em dezembro a Washington algumas propostas sobre a manutenção do Tratado INF. Além disso, Putin destacou que a Rússia está pronta para um diálogo sério com os Estados Unidos sobre toda a agenda estratégica.

No entanto, os Estados Unidos parecem ter uma política de "desmantelamento" em relação ao controle global de armas, acrescentou o presidente russo.

Durante a entrevista aos meios de comunicação sérvios, Putin também instou os parceiros ocidentais a estabelecer um …

Putin: Moscou ajudará Damasco a eliminar terroristas em Idlib

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, alegou que Moscou pode ajudar Damasco a eliminar a ameaça terrorista em Idlib em caso de provocação.


Sputnik

Além disso, o presidente da Rússia confirmou que Moscou, Paris, Berlim e Ancara assinaram uma declaração conjunta sobre a Síria neste sábado em Istambul.


Resultado de imagem para vladimir putin
Vladimir Putin | Reprodução

"A declaração conjunta reflete a vontade da Rússia, Turquia, Alemanha e França de continuar aprofundando a cooperação com objetivo de melhorar a situação na Síria, promover o diálogo sírio e de realizar as reformas necessárias", disse o líder russo durante uma coletiva de imprensa ao final da reunião.

Putin também pediu para que o comitê constitucional sírio iniciasse os trabalhos o mais breve possível e advertiu que a necessidade de mudança no país árabe é clara.

"Esperamos que o lado turco termine o mais breve possível a evacuação das forças da oposição, das armas pesadas e das unidades militares da zona desmilitarizada", disse o presidente russo.

Vladimir Putin também propôs realizar uma conferência internacional sobre refugiados sírios e observou que, junto com seus colegas, viu a necessidade de expandir o termo "ajuda humanitária".

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas