Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Área militar do governo brasileiro demonstra desconforto com suspensão de investigação do caso Queiroz

Integrantes da área militar do governo demostraram desconforto com o pedido de suspensão da investigação para apurar movimentações financeiras de Fabricio Queiroz consideradas "atípicas" pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).
Por Gerson Camarotti | G1

A avaliação de auxiliares do presidente Jair Bolsonaro é que essa decisão tomada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), só faz prolongar o desgaste provocado pelo caso.

O ministro Luiz Fux atendeu pedido do deputado estadual e senador eleito Flavio Bolsonaro (PSL-RJ), de quem Queiroz foi assessor. O Coaf apontou movimentação de R$ 1,2 milhão em uma conta bancária de Queiroz durante um ano sem que houvesse esclarecimento.

Para esses auxiliares, foi uma surpresa a solicitação feita por Flávio Bolsonaro para suspender as investigações.

“Ainda não há uma explicação convincente. Enquanto isso não acontecer, o desgaste desse caso vai continuar. Já está demorando demais”, comentou ao blog um auxilia…

Revelada versão principal da causa do acidente mortal com caça ucraniano Su-27

A versão principal da causa do acidente com o caça ucraniano Su-27, ocorrido na terça-feira (16) na região ucraniana de Vinnitsa, foi a violação de regras de voo ou de preparação prévia ao voo, comunicou ao portal Obozrevatel o porta-voz da Procuradoria Militar da Ucrânia, Andrei Kiselev.


Sputnik

Ele destacou que outras versões ainda não foram excluídas pela comissão de investigação do acidente.


Su-27
Sukhoi Su-27 Flanker © Foto: Sukhoi Company

"Também são possíveis outras [versões], mas isso só se tornará certo depois de nós termos conclusões da comissão de especialistas do Ministério da Defesa e do laboratório de aviação, que estão trabalhando no lugar do acidente", explicou Kiselev.

Segundo contou o porta-voz ao portal ucraniano Obozrevatel, os especialistas estão examinando a documentação de voo e outros documentos ligados ao avião Su-27 que caiu na Ucrânia.

A tragédia ocorreu na terça-feira (16) no povoado de Ulanov, na região de Vinnitsa, quando o avião realizava um combate simulado durante os exercícios internacionais Clear Sky 2018.

De acordo com as últimas informações fornecidas pelo Ministério da Defesa da Ucrânia, dois militares de cidadania ucraniana e norte-americana morreram no acidente.

Segundo as fontes da mídia ucraniana, os pilotos não comunicaram quaisquer falhas ou outros perigos. A versão sobre dificuldades de comunicação entre os pilotos foi excluída, visto que o militar ucraniano sabia falar inglês. As Forças Armadas da Ucrânia declararam que o Su-27 não tinha avarias.

Os eventos planejados para 18 e 19 de outubro no âmbito dos exercícios foram cancelados.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas