Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Militares juntam-se à polícia em protesto dos "coletes amarelos". Há 31 detidos

Os militares da operação antiterrorista "Sentinela" foram mobilizados para proteger as principais instituições francesas. Ao final da manhã, os coletes amarelos eram ainda em pequeno número na capital e quase invisíveis entre a população.
Diário de Notícias

As forças armadas francesas juntaram-se à polícia, este sábado, em Paris, para enfrentar o 19º fim de semana consecutivo de protestos dos coletes amarelos contra o governo do presidente Emmanuel Macron. Ao final da manhã, com os locais habituais de manifestação interditos e o reforço militar junto às principais instituições francesas, os "coletes amarelos" passavam quase despercebidos entre turistas e parisienses.

Segundo a Reuters, o governo francês decidiu mobilizar os militares da operação antiterrorista "Sentinela", depois de ter proibido os manifestantes de se reunirem nos Campos Elísios, onde no último fim de semana dezenas de lojas foram destruídas e algumas completamente pilhadas.

Além da presença …

Um palestino morto e vários feridos depois de bombardeio israelense

Um palestino morreu e dezenas ficaram feridos enquanto aviões de combate israelenses levaram a cabo múltiplos ataques aéreos na sitiada Faixa de Gaza na madrugada de hoje.


Prensa Latina
Ramallah - Segundo a sede do Ministério da Saúde palestino em Gaza, o cidadão identificado como Naji Muhammad a o-Zaanin, de 25 anos, foi assassinado devido aos bombardeios no norte do enclave costeiro.


O exército israelense anunciou o ataque a um grupo de palestinos que supostamente lançou foguetes e bombas incendiárias contra as comunidades israelenses que rodeiam a faixa.

Os aviões de combate lançaram vários mísseis contra um lugar pertencente às Brigadas Izz a o-Din a o-Qassam, a braço militar do movimento palestino Hamas, no centro de Gaza.

Testemunhas presenciais confirmaram que foram levadas a cabo ataque aéreos no sul, centro e norte da Faixa; as colunas de fumaça fizeram-se visíveis em muitas áreas.

Também se escutaram fortes explosões na cidade de Khan Younis e no oeste da cidade de Rafah, no sul de Gaza.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas