Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Ataque da coalizão internacional mata 3 crianças em Deir ez-Zor

A agência estatal síria SANA informou sobre um novo ataque da coalizão internacional liderada pelos EUA na província de Deir ez-Zor e sobre uso de fósforo branco durante um ataque anterior.


Sputnik

"Três crianças morreram em um ataque da coalizão internacional ao povoado de Shaafa, no leste da província de Deir ez-Zor", comunicou a agência.


Caças norte-americanos F-15
F-15 Eagle da USAF © REUTERS / Força Aérea dos EUA

Além disso, a SANA relatou que a coalizão usou outra vez fósforo branco proibido ao atacar a cidade de Hajin na mesma província síria.

"A coalizão internacional usou munições com fósforo branco, proibido pelas convenções internacionais, durante um ataque […] em Hajin, no leste da província de Deir ez-Zor", diz a SANA.

O ataque a Hajin foi relatado pela agência em 3 de novembro, tendo resultado na morte de 15 civis, na maioria mulheres e crianças, e dezenas de feridos.

A coalizão, liderada pelos Estados Unidos, ataca regularmente a cidade de Hajin, com a SANA já tendo informado sobre uso de fósforo branco nos ataques de 13 e 29 de outubro.

Desde 2014, os EUA e seus aliados efetuam uma operação contra o grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) no território sírio sem autorização de Damasco. As autoridades sírias pediram em várias ocasiões para que a ONU aplique medidas em relação às ações da coalizão. O Pentágono, por sua parte, afirma que as munições que usa na Síria correspondem às leis internacionais.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas