Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Os mísseis russos que se tornaram alvo de disputa entre EUA e Turquia

A Turquia, dona do segundo maior Exército entre os 29 países que compõem a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), está prestes a adquirir mísseis antiaéreos S-400.
BBC News Brasil

Os S-400 são os mísseis "terra-ar" mais avançados do mundo e se tornaram motivo de uma disputa entre Turquia e Estados Unidos que pode ameaçar a aliança militar das potências ocidentais.

Isso porque os S-400 são fabricados na Rússia, o principal rival da organização fundada em 1949 justamente para se opor à então União Soviética.

A insistência da Turquia em adquirir os mísseis russos irritou os Estados Unidos, que encaram a decisão como uma potencial ameaça para seus aviões de combate F-35, também em vias de serem comprados pelos turcos.
Troca de farpas

"Não ficaremos de braços cruzados enquanto os aliados da Otan compram armas dos nossos adversários", advertiu o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, durante um encontro organizado há poucos dias em Washington para celebrar o aniversár…

Defesa russa publica VÍDEO de 'radares voadores' ajudando caças a detectar alvos em treino

Nesta quarta-feira (14), o Ministério da Defesa russa publicou imagens únicas do voo de dois aviões de alerta e controle Beriev A-50.


Sputnik

No vídeo publicado pelo ministério são demonstrados dois A-50 treinando o apoio a caças na aquisição de alvos, em imagens captadas a partir de um drone.


A-50 – aeronave do Sistema Aéreo de Alerta e Controle (AWACS) da Rússia
Beriev A-50 © Sputnik / Skryinikov

A aeronave A-50 foi adotada em serviço em 1989, o A-50U modernizado apareceu no Exército russo em 2011. Esses aviões são usados ativamente pelas forças russas, inclusive durante as recentes operações antiterroristas na Síria. Graças ao radar Shmel, o avião A-50U pode rastrear alvos localizados a 650 km.

Os aviões A-50 detectam e rastreiam alvos no ar e na superfície aquática, alertando antecipadamente os postos de comando automatizados dos sistemas das Forças Armadas. O avião efetua ainda o controle e apoio a caças e bombardeiros durante operações contra alvos aéreos, terrestres ou navais, além de servir como posto de comando aéreo.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas