Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

General brasileiro em forças dos EUA atrapalha laços com Moscou e Pequim, diz especialista

A decisão do Brasil de enviar um oficial para integrar as Forças Armadas dos Estados Unidos deve atrapalhar as relações do país com importantes aliados, como China e Rússia. A avaliação é do especialista em Relações Internacionais Paulo Velasco, que conversou nesta segunda-feira com a Sputnik sobre esse polêmico assunto.
Sputnik

Na última semana, se tornou pública no Brasil a notícia de que o país indicará, até o final do ano, um general para assumir um posto no Comando Sul (SouthCom) dos EUA, que cobre América Central, Caribe e América do Sul, provocando controvérsias.


De acordo com o comandante responsável, o almirante Craig Faller, os interesses norte-americanos na região seriam ameaçados por Rússia, China, Irã, Venezuela, Cuba e Nicarágua, países com os quais o Brasil poderá ter relações prejudicadas por conta dessa situação, conforme acredita Velasco, professor adjunto de Política Internacional do Departamento de Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (U…

Hamas divulga detalhes do cessar-fogo com Israel

O movimento islâmico palestino Hamas, que controla a Faixa de Gaza, declarou neste sábado que a trégua com Israel inclui medidas para aliviar o bloqueio israelense à Gaza palestina, bem como a expansão da área de pesca, disse Ismail Radwan, um líder do grupo, em um comunicado.


Sputnik

"O acordo inclui a expansão da área de pesca ao largo da costa de Gaza de 14 para 20 milhas náuticas, disponibilidade de uma linha de eletricidade de alta tensão e facilitações para a exportação", disse Radwan.


Manifestação pela unidade política palestina une apoiadores do Hamas e do partido Fatah (foto de arquivo)
© AFP 2018 / SAIF DAHLAH

De acordo com o representante do Hamas, "a reconstrução de residências civis (destruídas por um bombardeio israelense) e o desenvolvimento de projetos para criar oportunidades de emprego para especialista" também estão contempladas no acordo de cessar-fogo.

Israel e os grupos palestinos chegaram a um cessar-fogo por um acordo indireto, mediado principalmente pelo Egito e pela ONU. A trégua colocou fim à pior escalada de violência na região desde a ofensiva israelense em Gaza no ano de 2014.

Comentários

Postagens mais visitadas