Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Executiva da Huawei deixa a prisão após pagar fiança no Canadá; ex-diplomata canadense é preso na China

Justiça aceitou pedido da chinesa, que foi detida a pedido dos Estados Unidos e corria risco de extradição. Fiança estipulada fixada em US$ 7,5 milhões.
Por G1

A diretora financeira da Huawei, Meng Wanzhou, foi solta nesta quarta-feira (12) depois de passar 11 dias presa no Canadá.

A executiva teve aceito o pedido de liberdade condicional, por um juiz canadense. O valor da fiança foi fixado em 10 milhões de dólares canadenses (US$ 7,5 milhões).

Meng saiu da prisão poucas horas depois da ordem do juiz, informou o canal Global News.

"O risco de que não se apresente perante o tribunal (para uma audiência de extradição) pode ser reduzido a um nível aceitável, impondo as condições de fiança propostas por seu assessor", disse o juiz, aplaudido na sala do tribunal pelos partidários da empresa chinesa, informa a France Presse.

As condições de libertação incluem a entrega de seus dois passaportes, que permaneça em uma de suas residências de Vancouver e use tornozeleira eletrônica. Além dis…

Ministro Padrino López: 'No es tiempo de guerra es tiempo de paz'

Ministro da Defesa da Venezuela profere discuro enigmático na cerimônia de comemoração dos 40 anos da CODAI (Comando de Defesa Aeroespacial Integrado), a mais póderosa unidade da Fuerza Armada Nacional Bolivariana (FANB)


DefesaNet

Quinta-feira 29 de novembro, vice-presidente de Política Soberania, Paz e Segurança e ministro do Poder Popular para a Defesa, G / J Vladimir Padrino López, acompanhado pelo Chiefes Superiores das Forças Armadas Nacional Bolivariana (FANB), presidiu as celebrações do 40º aniversário do Comando de Defesa Aeroespacial Integrado (Codai) e do 19º aniversário da Procuradoria Geral Militar.

Ministro Padrino López: “No es tiempo de guerra es tiempo de paz"

A atividade teve lugar no Salão de Honra Bishop, Brigadeiro General Jose Hernan Sanchez Porras, onde a Sagrada Eucaristia também foi celebrada, começou a dar para Advento e Natal tradição dentro da instituição militar.

Após a cerimônia, o comandante militar disse algumas palavras atenciosas, enquadrados no tempo do Advento, no qual ele enfatizou, "não é tempo de guerra, é tempo de paz", convidando os militares e não-militares, para refletir , tenha fé e "nunca perca a esperança".

Em outro momento, o General em Chefe fez menção especial à recente celebração do 98º aniversário da Aviação Militar Bolivariana, realizada no último dia 27 de novembro, em Maracay, Estado de Aragua, parabenizando os homens e mulheres do ar; na época anunciada para 11 de dezembro, a comemoração dos 19 anos do Promotor Geral Militar; bem como, nos próximo 14 Dezembro, os 40 do CODAI, destacando o último, como um exemplo de integração e revolução para reunir todos os componentes e meios para a defesa aeroespacial da pátria.

"São quarenta anos de evolução e vinte em revolução", disse Padrino López, referindo-se ao Comando de Defesa Aeroespacial Integral.

Além disso, o Ministro da Defesa, disse que estava orgulhoso de promotores e juízes militares, destacando o papel desempenhado pelo escritório do promotor militar nos últimos anos, "sempre ligada a direita e sempre impecável, inabalável, incorruptível".

A ocasião foi propícia para reconhecer o notável trabalho do pessoal da CODAI e da Promotoria Geral Militar com a imposição de condecorações, entre elas: Medalha Militar de San Miguel Arcángel; Ordem da Defesa Aeroespacial Integral; Medalha Militar Cruz Honra ao Mérito do Ministério Público Militar, entre outros.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas