Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA criticam bombardeiros russos na Venezuela: "Nós mandamos navio-hospital"

O coronel Robert Manning, porta-voz do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, criticou com veemência nesta segunda-feira o envio de bombardeiros russos à Venezuela e citou o envio de navio-hospital à região como exemplo do compromisso de Washington com a região.
EFE

Washington - "O enfoque dos EUA sobre a região difere do enfoque da Rússia. No meio da tragédia, a Rússia envia bombardeiros à Venezuela e nós mandamos um navio-hospital", declarou Manning durante uma entrevista coletiva realizada hoje no Pentágono.


O militar se referia com estas palavras ao USNS Comfort, que partiu em meados de outubro rumo à América Central e à América do Sul para oferecer ajuda sanitária aos milhares de refugiados venezuelanos amparados por diversos países da região.

"Enquanto nós oferecemos ajuda humanitária, a Rússia envia bombardeiros", lamentou Manning em referência ao envio uma esquadrilha de aviões russos, incluindo dois bombardeiros estratégicos T-160, capazes de carregar bomb…

Para que caça russo Su-57 precisa peculiar pintura 'pixelada'?

O caça russo Su-57 vai passar a ser produzido em série com um revestimento "pixelado", revelou à mídia russa o diretor da empresa russa Sukhoi, Mikhail Strelets.


Sputnik

De acordo com o interlocutor do canal de TV Zvezda, tal escolha tem suas finalidades concretas.


Caça multifuncional russo Su-57 durante o fórum EXÉRCITO 2018, no aeródromo de Kubinka
Sukhoi Su-57 © Sputnik / Aleksei Filippov

"A pintura de pixels cria um efeito de contorno impreciso, o que ajuda a distorcer a forma da estrutura aerodinâmica da aeronave", explicou o dirigente.

Os elementos que contribuirão para a furtividade do veículo são a própria forma do avião e o revestimento especial em alguns segmentos.

Segundo afirma Mikhail Strelets, uma das exigências apresentadas aos aviões da 5ª geração é o chamado supercruzeiro, ou seja, a capacidade de um avião de desenvolver uma velocidade supersônica sem usar pós-combustão. Isso, por sua vez, é necessário para diminuir a visibilidade infravermelha.

Mais cedo, foi informado que os testes do Su-57 haviam começado em 2017. Depois, a aeronave passou pelo "batismo" na Síria, onde efetuou um ataque de mísseis de cruzeiro contra terroristas.

O Su-57 é um caça multifuncional russo de 5ª geração construído pela conhecida empresa de aviação russa Sukhoi. A aeronave tem como finalidade eliminar alvos aéreos, terrestres e marítimos, bem como minar o sistema de comando da aviação do inimigo. Espera-se que o primeiro lote dos Su-57 seja entregue à Força Aeroespacial da Rússia em 2019.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas