Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Lançamento do Submarino Riachuelo – S40 (VIDEO)

Hoje, 14 de dezembro, às 10h da manhã em Itaguaí-RJ, teve início a Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo, o primeiro de uma série de quatro submarinos convencionais e um nuclear que estão sendo construídos pela Marinha do Brasil. A cerimônia conta com a presença do Presidente da República.
Poder Naval

O nome do primeiro submarino, “Riachuelo”, é alusivo à Batalha Naval do Riachuelo, considerada decisiva na Guerra do Paraguai, com atuação destacada da Marinha do Brasil.


Acompanhe a Cerimônia em tempo real no vídeo no final deste post.
Prosub

O Brasil tem o mar como uma forte referência em todo o seu desenvolvimento. É nessa área marítima que os brasileiros desenvolvem as atividades pesqueiras, o comércio exterior e a exploração de recursos biológicos e minerais. A imensa riqueza das águas, do leito e do subsolo marinho nesse território justifica seu nome: Amazônia Azul.

A Amazônia Azul cobre uma área de 3,5 milhões de quilômetros quadrados. Mas o país pleiteia na Organização das Naç…

'Reconhecimento da derrota': Hamas comenta renúncia de ministro israelense Lieberman

O porta-voz do movimento palestino do Hamas, Sami Abu Zuhri, citado pela agência palestina SAFA, afirmou que a renúncia do ministro da Defesa israelense, Avigdor Lieberman, significa reconhecimento da derrota.


Sputnik

Hoje mais cedo, Lieberman anunciou renúncia por se opor ao término das ações militares contra combatentes palestinos na Faixa de Gaza.


Resultado de imagem para Sami Abu Zuhri
Sami Abu Zuhri

Abu Zuhri assinalou que a renúncia do ministro da Defesa israelense "é o reconhecimento da derrota e da incapacidade de confrontar a resistência palestina".

A agência acrescentou, por sua vez, que a renúncia de Lieberman "é vitória política de Gaza".

Na véspera, o ministro de Israel discordou dos colegas do governo quanto ao término dos combates na Faixa de Gaza após um dia de troca de ataques entre os dois lados. Combatentes palestinos decidiram cumprir o cessar-fogo e não o violam desde ontem (13). Lieberman chamou de "fake news" as notícias sobre ele ter votado a favor do cessar-fogo e voltou a apelar para que seja realizado um "golpe duro" ao movimento Hamas que controla o enclave.

Avigdor Lieberman assume o Ministério da Defesa israelense desde 2016, vindo a ocupar o cargo mais alto um ano depois das últimas eleições no país. Nos governos anteriores de Benjamin Netanyahu, o político era o chanceler.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas