Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Lançamento do Submarino Riachuelo – S40 (VIDEO)

Hoje, 14 de dezembro, às 10h da manhã em Itaguaí-RJ, teve início a Cerimônia de Lançamento do Submarino Riachuelo, o primeiro de uma série de quatro submarinos convencionais e um nuclear que estão sendo construídos pela Marinha do Brasil. A cerimônia conta com a presença do Presidente da República.
Poder Naval

O nome do primeiro submarino, “Riachuelo”, é alusivo à Batalha Naval do Riachuelo, considerada decisiva na Guerra do Paraguai, com atuação destacada da Marinha do Brasil.


Acompanhe a Cerimônia em tempo real no vídeo no final deste post.
Prosub

O Brasil tem o mar como uma forte referência em todo o seu desenvolvimento. É nessa área marítima que os brasileiros desenvolvem as atividades pesqueiras, o comércio exterior e a exploração de recursos biológicos e minerais. A imensa riqueza das águas, do leito e do subsolo marinho nesse território justifica seu nome: Amazônia Azul.

A Amazônia Azul cobre uma área de 3,5 milhões de quilômetros quadrados. Mas o país pleiteia na Organização das Naç…

Ucrânia exige que Rússia devolva navios detidos e pede ajuda militar a aliados

O Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia divulgou nota nesta segunda-feira (26) exigindo que Moscou devolva a Kiev os marinheiros detidos juntos com os navios apreendidos no domingo (25).


Sputnik

Mais cedo, o Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB) informou que os navios Berdyansk, Nikopol e Yany Kapu, da Marinha da Ucrânia, foram detidos por violarem o espaço marítimo russo.


Presidente ucraniano Pyotr Poroshenko
Presidente da Ucrânia Pyotr Poroshenko © AP Photo / Mindaugas Kulbis

"A Ucrânia exige assistência médica urgente para os feridos e a garantia de seu retorno imediato e seguro para casa. A Ucrânia também exige que os navios apreendidos da Marinha retornem e que os danos causados sejam compensados", disse o ministério através do comunicado.

Kiev também pediu aos seus aliados que forneçam assistência militar.

"A Ucrânia pede aos seus aliados e parceiros que tomem todas as medidas necessárias para dissuadir o agressor, aplicando novas sanções e fortalecendo as já existentes, assim como fornecendo à Ucrânia assistência militar para proteger a sua integridade territorial e soberania dentro das fronteiras internacionalmente reconhecidas", acrescentou o comunicado.

Um porta-voz da Diretoria de Fronteiras do FSB para a Crimeia, Anton Lozovoy, disse mais cedo que os navios apreendidos estavam sendo levados para o porto de Kerch e que três soldados ucranianos levemente feridos receberam assistência médica.

Os navios ucranianos que foram apreendidos não teriam respondido às exigências legais feitas pelos navios russos que os abordaram, além de terem realizado manobras perigosas, segundo o FSB. Também foi aberto um caso criminal para investigar a violação da fronteira do Estado da Rússia.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas