Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Executiva da Huawei deixa a prisão após pagar fiança no Canadá; ex-diplomata canadense é preso na China

Justiça aceitou pedido da chinesa, que foi detida a pedido dos Estados Unidos e corria risco de extradição. Fiança estipulada fixada em US$ 7,5 milhões.
Por G1

A diretora financeira da Huawei, Meng Wanzhou, foi solta nesta quarta-feira (12) depois de passar 11 dias presa no Canadá.

A executiva teve aceito o pedido de liberdade condicional, por um juiz canadense. O valor da fiança foi fixado em 10 milhões de dólares canadenses (US$ 7,5 milhões).

Meng saiu da prisão poucas horas depois da ordem do juiz, informou o canal Global News.

"O risco de que não se apresente perante o tribunal (para uma audiência de extradição) pode ser reduzido a um nível aceitável, impondo as condições de fiança propostas por seu assessor", disse o juiz, aplaudido na sala do tribunal pelos partidários da empresa chinesa, informa a France Presse.

As condições de libertação incluem a entrega de seus dois passaportes, que permaneça em uma de suas residências de Vancouver e use tornozeleira eletrônica. Além dis…

VÍDEO mostra 2 caças russos Su-57 fazendo pouso sincronizado

O canal de televisão russo Zvezda publicou o vídeo de um voo e pouso sincronizado de dois caças polivalentes Su-57 de quinta geração.


Sputnik

O vídeo foi gravado a partir da escada de acesso de uma aeronave de transporte militar An-12.


Caça russo Su-57
Sukhoi Su-57 © Foto : Ministério da Defesa da Rússia

As imagens mostram como os Su-57 pousam na pista do aeródromo e libertam os paraquedas de frenagem.

O caça Su-57 é destinado à destruição de todos os tipos de alvos aéreos, terrestres e navais de superfície. Devido à sua alta capacidade de manobra e velocidade supersônica, a aeronave possui um alto nível de eficácia e supremacia em relação ao adversário.




Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas