Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA entregam armas modernas a forças curdas da Síria, escreve mídia

Os opositores americanos da retirada das tropas dos EUA da Síria entregaram armas modernas às Unidades de Proteção Popular (YPG), escreveu o jornal turco Yeni Akit, citando fontes locais.
Sputnik

A edição destaca que o fornecimento é referente a um grande número de modernos sistemas de mísseis antitanque Javelin e Tow. Supõe-se que os curdos usem essas armas contra tanques turcos, que logo entrarão em Manbij, no norte da Síria.


Segundo a publicação, as forças especiais turcas estão no momento realizando buscas por esses complexos nesta cidade e, devido a isso, a Turquia está atrasando sua operação militar na referida cidade.

Anteriormente, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan havia anunciado que, se os EUA não se retirarem da Síria, Ancara estaria pronta para lançar uma operação no leste do Eufrates, assim como em Manbij, contra as forças de autodefesa dos curdos sírios.

Em meados de dezembro de 2018, o líder americano, Donald Trump, declarou a vitória sobre o grupo de militantes Daesh …

Defesa russa detecta mais de 3 mil aviões-espiões perto de suas fronteiras em 2018

Em 2018, as forças de defesa antiaérea detectaram e escoltaram cerca de três mil aeronaves de combate estrangeiras, das quais mais de mil eram aeronaves de reconhecimento, comunica a Força Aeroespacial da Rússia.


Sputnik

O número exato de aviões militares estrangeiros foi anunciado pelo comandante das Tropas Radiotécnicas da Força Aeroespacial da Rússia, major-general Andrei Koban, em entrevista ao jornal Krasnaya Zvezda.


Radar (imagem referencial)
© Sputnik / Mikhail Fomichev

"A intensidade do tráfego aéreo nos limites de responsabilidade das Tropas Radiotécnicas é o que principalmente dificulta o serviço militar […] Em 2018, as unidades em serviço das Tropas Radiotécnicas detectaram e acompanharam mais de 980.000 alvos aéreos. Entre eles, havia cerca de três mil aviões de combate estrangeiros, incluindo mais de mil aeronaves de reconhecimento", afirmou.

Ao mesmo tempo, o major-general russo sublinhou que as unidades de defesa antiaérea foram postas em prontidão de combate mais de quatro mil vezes.

"Esta é uma evidência clara da alta tensão do serviço nas Tropas Radiotécnicas, à qual estamos acostumados e para a qual estamos prontos", disse Koban.

Nas palavras dele, as unidades antiaéreas russas diariamente detectam e escoltam mais de cinco mil objetos aéreos, dos quais cerca de 2,5 mil são estrangeiros. Ademais, cada dia cerca de 20 unidades militares são postas em prontidão de combate.

Mais cedo, o mesmo jornal relatou que, no decorrer da semana passada, as autoridades russas identificaram 16 aeronaves estrangeiras realizando atividades de reconhecimento perto das fronteiras russas. Nessa conexão, jatos russos foram enviados duas vezes nesse período para interceptar os aviões estrangeiros, impedindo-os de entrar no espaço aéreo russo.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas