Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Poloneses pedem a Trump ajuda para conseguir indenização da Rússia e Alemanha pela 2ª Guerra

Um auto-proclamado "partido bíblico antiglobalista" pró-EUA e pró-Israel da Polônia, que se autodenomina "Movimento 11 de novembro", criou uma petição no site We the People da Casa Branca pedindo ao presidente Donald Trump ajude a obter "compensação adequada" da Rússia e da Alemanha por danos causados ​​na Segunda Guerra Mundial.
Sputnik

"Os poloneses livres estão apelando para os EUA, o vencedor na Segunda Guerra Mundial e o fiador dos acordos do pós-guerra, para obter ajuda na recuperação das reparações de guerra da Alemanha e da Rússia", diz a petição.


Além de alcançar a "justiça histórica", uma campanha de reparações bem-sucedida desempenharia "um papel fundamental na Polônia, tornando-se um forte aliado dos Estados Unidos diante da ameaça que surge na Europa e na Ásia — um novo Império do Mal".

Falando ao The New American, uma pequena revista de propriedade da John Birch Society, o co-autor e vice-presidente do Movimento 11…

Exército sírio reforça posições ao longo da fronteira oeste de Manbij

O exército sírio reforçou suas posições ao longo da fronteira oeste de Manbij, de acordo com um correspondente da Sputnik.


Sputnik

Bandeiras sírias foram hasteadas nos povoados situados na linha de contato com as formações pró-turcas Escudo do Eufrates.


Exército sírio se instalando na área de Manbij
Militares sírios em Manbij © Sputnik / Muhammad Maaruf

Uma fonte no local comunicou à Sputnik que o exército sírio continua reforçando suas posições no noroeste de Manbij.

"O exército está reforçando suas posições em direção à fronteira norte da região. Assim, o exército sírio deve impedir a deslocação das forças do Escudo de Eufrates em direção a Manbij", apontou a fonte.

Nesta sexta-feira (28), o Estado-Maior das Forças Armadas da Síria divulgou um comunicado, segundo qual o exército sírio, em resposta aos apelos da população, entrou em Manbij, controlado anteriormente pelas formações curdas, e hasteou ali a bandeira síria.

Mais cedo, as forças das Unidades de Proteção Popular (YPG) se dirigiram ao governo sírio pedindo para estabelecer o controle sobre as áreas por eles abandonadas, em particular em Manbij, para protegê-las da invasão turca.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas