Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA entregam armas modernas a forças curdas da Síria, escreve mídia

Os opositores americanos da retirada das tropas dos EUA da Síria entregaram armas modernas às Unidades de Proteção Popular (YPG), escreveu o jornal turco Yeni Akit, citando fontes locais.
Sputnik

A edição destaca que o fornecimento é referente a um grande número de modernos sistemas de mísseis antitanque Javelin e Tow. Supõe-se que os curdos usem essas armas contra tanques turcos, que logo entrarão em Manbij, no norte da Síria.


Segundo a publicação, as forças especiais turcas estão no momento realizando buscas por esses complexos nesta cidade e, devido a isso, a Turquia está atrasando sua operação militar na referida cidade.

Anteriormente, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan havia anunciado que, se os EUA não se retirarem da Síria, Ancara estaria pronta para lançar uma operação no leste do Eufrates, assim como em Manbij, contra as forças de autodefesa dos curdos sírios.

Em meados de dezembro de 2018, o líder americano, Donald Trump, declarou a vitória sobre o grupo de militantes Daesh …

Drone americano faz missão de reconhecimento perto da Crimeia

Um drone espião estratégico Global Hawk RQ-4B-30 da Força Aérea dos Estados Unidos realizou na segunda-feira (7) uma missão de reconhecimento ao longo da costa da Crimeia, informou o portal de monitoramento PlaneRadar no Twitter.


Sputnik

De acordo com o portal, o VANT decolou de manhã da base aérea de Sigonella, na Itália, e seguiu para a linha de demarcação em Donbass. Na noite do mesmo dia, o veículo aéreo começou um voo de reconhecimento ao longo da costa russa do mar Negro e se aproximou do litoral na região de Sevastopol, a uma distância de 33 quilômetros. Finalmente, às 23h no horário de Moscou (20h em Brasília), dirigiu-se para o aeródromo de origem.


RQ-4 Global Hawk drone
RQ-4 Global Hawk | Northrop Grumman

No mesmo dia, uma aeronave antissubmarino e de reconhecimento da Marinha dos EUA, um Boeing P-8A Poseidon, também foi vista perto da costa da Crimeia. Ela completou a missão às 22h50, horário de Moscou (19h50 em Brasília).

Recentemente, a atividade de aeronaves de reconhecimento e drones estrangeiros perto das fronteiras da Rússia aumentou. Estes aviões foram avistados tanto na região da Crimeia e de Krasnodar, como perto das fronteiras ocidentais do país.

O Ministério da Defesa russo pediu repetidamente a Washington que abandone tais operações, mas o Pentágono recusa fazê-lo.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas