Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

EUA e Austrália iniciam manobras antissubmarino nas proximidades de Guam

Segundo o Pentágono, Austrália e EUA deram início a manobras navais anuais, conhecidas como Dragão do Mar, no Pacífico Ocidental.


Sputnik

As manobras visam aperfeiçoar capacidades e elevar a letalidade em uma eventual guerra antissubmarino, segundo o capitão-tenente Korhan Orgun.


Resultado de imagem para p-8 poseidon
Boeing P-8 Poseidon | Reprodução


Além disso, as manobras estão voltadas para a batalha antissubmarino (ASW), sendo assim, as manobras contarão com quatro aeronaves P-8A dos EUA e Austrália, que realizarão voos operacionais, contando com o apoio do Centro de Operações Táticas Móveis.

Durante a realização das manobras, será simulada uma situação de batalha antissubmarino e outros alvos, utilizando o submarino de ataque de classe Los Angeles.

Segundo o comunicado, o exercício Dragão do Mar ocorrerá até o dia 25 de janeiro, na base da Força Aérea Andersen, em Guam.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas