Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Diretor de Projetos da Marinha do Brasil diz que Programa Tamandaré não será afetado por cortes no orçamento

Convidado para falar a empresários catarinenses durante a reunião do Comitê da Indústria da Defesa (Comdefesa), da Fiesc, o vice-almirante Petronio Augusto Siqueira de Aguiar, diretor de Projetos da Marinha do Brasil, garantiu na manhã desta quinta-feira que o bloqueio de verbas do governo federal não vai afetar o andamento do projeto de construção de quatro navios da Marinha em Itajaí.
Poder Naval

Ele confirmou que o recurso previsto para a empreitada, de R$ 2,5 bilhões, está contingenciado – mas acredita que isso será revertido no segundo semestre. – Esse projeto não tem volta. O Brasil e a Marinha precisam modernizar a frota – afirmou.

A Marinha foi a principal atingida pelo bloqueio de verbas no setor de Defesa, que soma R$ 13 bilhões. O recurso para as corvetas está com a Emgepron, empresa de projetos da Marinha que negocia os termos do contrato com o consórcio Águas Azuis, vencedor da concorrência pública para construção das embarcações.

O grupo tem entre as consorciadas a alemã Thys…

EUA pretendem posicionar lançadores múltiplos de foguetes no Japão, diz imprensa

Os EUA planejam implantar o sistema lançador múltiplo de foguetes de alta mobilidade (HIMARS) na província japonesa de Okinawa e realizar os primeiros testes ainda neste ano, relata o jornal Sankei Shimbun.


Sputnik

Segundo o jornal, os sistemas podem disparar mísseis balísticos ATACMS (mísseis táticos do Exército dos EUA) capazes de atacar alvos terrestres ou marítimos em um raio de 300 quilômetros, o que supera o alcance dos atuais sistemas japoneses.


Lançadores múltiplos de foguetes HIMARS dos EUA
Lançadores de múltiplos foguetes HIMARS dos EUA © AFP 2018 / Ted Aljibe

O principal objetivo da implantação destes armamentos é a neutralização da China, que pode navegar ao longo de algumas ilhas japonesas sem entrar na zona de cobertura do sistema de defesa do Japão, escreve a publicação.

Os sistemas HIMARS, montados em caminhões militares, possuem alto grau de mobilidade e podem ser transportados por via aérea para locais remotos. Depois de efetuarem operações rápidas, eles são facilmente levados de volta ao seu ponto de partida.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas