Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

Explosão abala subúrbio de Damasco, capital síria

A explosão ocorreu em uma rodovia em um subúrbio de Damasco, na Síria, informou a agência estatal síria SANA.


Sputnik

"A explosão foi ouvida em torno da rodovia no sul da área de Damasco, os primeiros relatos sugerem um ato terrorista", informou a SANA.


Explosão no sul de Damasco
Explosão no sul de Damasco © Sputnik / BASEL SHARTOUH

Todas as estradas que levam ao local da explosão foram fechadas. Segundo a SANA, a explosão foi causada por um carro bomba. O incidente não deixou vítimas. O suspeito do ataque já foi detido.

Em 16 de janeiro, uma explosão perpetrada por uma mulher-bomba no centro da cidade síria de Manbij causou mais de 20 mortos e cerca de 16 feridos. O grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países) reivindicou a responsabilidade pelo atentado.

O conflito armado na Síria dura desde 2011. No final de 2017, foi anunciada a vitória sobre o Daesh na Síria e no Iraque. No entanto, os combates contra militantes ainda prosseguem em algumas partes da Síria.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas