Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

General brasileiro em forças dos EUA atrapalha laços com Moscou e Pequim, diz especialista

A decisão do Brasil de enviar um oficial para integrar as Forças Armadas dos Estados Unidos deve atrapalhar as relações do país com importantes aliados, como China e Rússia. A avaliação é do especialista em Relações Internacionais Paulo Velasco, que conversou nesta segunda-feira com a Sputnik sobre esse polêmico assunto.
Sputnik

Na última semana, se tornou pública no Brasil a notícia de que o país indicará, até o final do ano, um general para assumir um posto no Comando Sul (SouthCom) dos EUA, que cobre América Central, Caribe e América do Sul, provocando controvérsias.


De acordo com o comandante responsável, o almirante Craig Faller, os interesses norte-americanos na região seriam ameaçados por Rússia, China, Irã, Venezuela, Cuba e Nicarágua, países com os quais o Brasil poderá ter relações prejudicadas por conta dessa situação, conforme acredita Velasco, professor adjunto de Política Internacional do Departamento de Relações Internacionais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (U…

Guaidó admite conversas com membros do governo Maduro

O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, reconheceu, neste sábado (26), ter conversado com funcionários depois de o governo de Nicolás Maduro publicar um vídeo de um suposto encontro secreto entre o número dois do chavismo e o líder parlamentar da oposição.


France Presse

"Estamos dispostos a nos reunir com todos os funcionários para o fim da usurpação e para eleições livres", disse Guaidó, hoje, em um ato com seguidores no sudeste de Caracas.

Juan Guaidó (centro) deixa comício em Caracas, em 26 de janeiro de 2019
Juan Guaidó (centro) deixa comício em Caracas, em 26 de janeiro de 2019 © Fornecido por AFP

"Se falamos, ou não, com funcionários? Claro que fizemos isso", completou, sem admitir diretamente, porém, um encontro com Diosdado Cabello.

Guaidó chegou a negar essa reunião, depois da qual o governo divulgou um vídeo que mostra um homem magro com a cabeça coberta pelo capuz do casaco. Segundo o ministro da Comunicação, Jorge Rodríguez, trata-se de Guaidó.

"Digam o que quiserem, invencionices com capuz, ou sem capuz. Aqui não vão confundir ninguém, aqui está a paz", desafiou o líder parlamentar.

Na imagem de um circuito interno de televisão também aparecem Cabello e o dirigente chavista Freddy Bernal. De acordo com o ministro, ambos foram convidados por Guaidó.

Hoje, o número dois do chavismo alfinetou o opositor.

"Você decide, Guaidó. Continue falando besteira e vamos expor tudo que falamos. Está nas suas mãos", disse Cabello, garantindo que o parlamentar foi à reunião sem autorização de seus aliados.

Comentários

Postagens mais visitadas