Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA entregam armas modernas a forças curdas da Síria, escreve mídia

Os opositores americanos da retirada das tropas dos EUA da Síria entregaram armas modernas às Unidades de Proteção Popular (YPG), escreveu o jornal turco Yeni Akit, citando fontes locais.
Sputnik

A edição destaca que o fornecimento é referente a um grande número de modernos sistemas de mísseis antitanque Javelin e Tow. Supõe-se que os curdos usem essas armas contra tanques turcos, que logo entrarão em Manbij, no norte da Síria.


Segundo a publicação, as forças especiais turcas estão no momento realizando buscas por esses complexos nesta cidade e, devido a isso, a Turquia está atrasando sua operação militar na referida cidade.

Anteriormente, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan havia anunciado que, se os EUA não se retirarem da Síria, Ancara estaria pronta para lançar uma operação no leste do Eufrates, assim como em Manbij, contra as forças de autodefesa dos curdos sírios.

Em meados de dezembro de 2018, o líder americano, Donald Trump, declarou a vitória sobre o grupo de militantes Daesh …

Quão prestigioso se tornaria Vietnã com caças russos Su-57 de 5ª geração?

A intenção do Vietnã de comprar 12 caças russos Su-57 de quinta geração levou especialistas a analisar o potencial militar de países asiáticos e a concluir que os novíssimos caças russos seriam capazes de tornar a Força Aérea vietnamita em uma das mais fortes do Sudeste Asiático, escreve Military Watch.


Sputnik

"Como o Vietnã carece de Sistemas Aéreos de Alerta e Controle (AWACS), tais como o A-50, os sensores avançados do Su-57 proporcionariam um nível sem precedentes de reconhecimento situacional, enquanto que o longo alcance e alta altitude [do Su-57] seriam excelentes para patrulhar o disputado mar do Sul da China, região onde a presença militar da China tem crescido consideravelmente", de acordo com a revista.


Caça da quinta geração Su-57
Sukhoi Su-57 © Sputnik / Aleksei Kudenko

O caça Su-57, armado com mísseis R-37 ar-ar de longo alcance, que conseguem atingir alvos a 400 km, desafiaria seriamente a superioridade aérea chinesa. Além disso, o grande potencial de ataque do Su-57 abriria portas para equipá-lo com mísseis balísticos hipersônicos X-47M2 Kinzhal. Os novos mísseis Kinzhal são muito mais eficientes do que os antigos mísseis vietnamitas Scud.

Para se ter uma noção, o novo míssil voa 10 vezes mais rápido do que a velocidade do som, e a alta capacidade de manobra e precisão o torna "muito mortal como uma plataforma de ataque tático" e praticamente invulnerável à interceptação da defesa antimíssil.

Mísseis hipersônicos podem atingir não apenas alvos militares terrestres, mas também navios inimigos, incluindo aqueles capazes de desabilitar até mesmo os maiores porta-aviões com um ataque.

Segundo especialistas, a aquisição de caças russos Su-57 pelo Vietnã poderia ser causada pela intenção de Singapura de substituir os antigos caças F-16 por novos aviões furtivos americanos F-35A.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas