Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Irã desloca sistema russo de defesa S-300 para a costa do golfo Pérsico (VÍDEO)

Uma coluna de caminhões iranianos transportando vários sistemas anti-aéreos russos S-300 Favorit para a costa do golfo Pérsico foi capturada em vídeo por um motorista e postada no YouTube.
Sputnik

O vídeo mostra como caminhões transportam partes dos sistemas antiaéreos e coincide com a escalada de tensão entre os Estados Unidos e o Irã com o envio de um grupo de combate naval dos EUA para a costa iranianas, relata Alarabiya.


Segundo o jornal russo Rossiyiskaya Gazeta, o envio dessas unidades do S-300 para a costa persa responde à crescente presença militar e naval dos Estados Unidos. O artigo também explica que as unidades não viajam sozinhas por via terrestre e fazem isso em caminhões para preservar sua vida útil e garantir a segurança durante a viagem.

Em 13 de maio, o comandante das Forças Aeroespaciais da Guarda Revolucionária Islâmica, Amir Ali Hajizadé, assegurou que o país persa estava pronto para atacar os Estados Unidos devido à presença do referido grupo naval na região.

Hajizadé…

Recrutamento chinês estaria indicando produção massiva do caça J-20

A China continua apostando nos seus caças, com o J-20 de quinta geração dominando a linha de produção desde que entrou em serviço, em março de 2017.


Sputnik

A estimativa é de que aproximadamente 100 caças de elite já estejam prontos. O J-20 é um caça de quinta geração chinês, um análogo do americano F-22 Raptor, além disso, ele é um dos três caças que fazem parte do Exército Popular de Libertação.


Caça furtivo chinês J-20
Chengdu J-20 © Foto: Public Domain / Sunson Guo

A China conta com o caça de 4++ geração, J-10C light e o J-16, uma aeronave que se assemelha ao caça J-20 de quinta geração, isso devido aos sistemas de guerra eletrônica, aviônicos e sistemas de armas avançados, segundo a revista Military Watch.

Com esse potencial, a China demonstra que está investindo uma grande quantia para fortalecer sua defesa e combater eventuais ameaças em torno de seu território. Dessa maneira, estima-se que os chineses deverão ultrapassar as forças americanas, que produziram em torno de 90 unidades do caça F-35 em 2018.

Além disso, devido à produção em massa dos J-20, o Exército Popular de Libertação iniciou uma campanha de recrutamento em grande escala para formar a próxima geração de pilotos. Tanto é que o recrutamento ocorre em 31 das 33 áreas administrativas das províncias, isso mostra que caças J-20 estão sendo produzidos em uma escala considerável.

Algo que se destaca no Exército chinês é justamente a capacidade de produzir munições de qualidade em grande escala, comprovando habilidade em produzir equipamentos de alta tecnologia, bem como financiando produção em massa de caças J-20 de quinta geração.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas