Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

EUA entregam armas modernas a forças curdas da Síria, escreve mídia

Os opositores americanos da retirada das tropas dos EUA da Síria entregaram armas modernas às Unidades de Proteção Popular (YPG), escreveu o jornal turco Yeni Akit, citando fontes locais.
Sputnik

A edição destaca que o fornecimento é referente a um grande número de modernos sistemas de mísseis antitanque Javelin e Tow. Supõe-se que os curdos usem essas armas contra tanques turcos, que logo entrarão em Manbij, no norte da Síria.


Segundo a publicação, as forças especiais turcas estão no momento realizando buscas por esses complexos nesta cidade e, devido a isso, a Turquia está atrasando sua operação militar na referida cidade.

Anteriormente, o presidente turco Recep Tayyip Erdogan havia anunciado que, se os EUA não se retirarem da Síria, Ancara estaria pronta para lançar uma operação no leste do Eufrates, assim como em Manbij, contra as forças de autodefesa dos curdos sírios.

Em meados de dezembro de 2018, o líder americano, Donald Trump, declarou a vitória sobre o grupo de militantes Daesh …

Rússia descarta enviar tropas ao Afeganistão, diz vice-chanceler

A Rússia excluiu a possibilidade de desdobrar suas forças no Afeganistão, disse nesta quarta-feira o vice-ministro de Relações Exteriores do país, Sergei Ryabkov.


Sputnik

"Acho que isso é totalmente impossível, não vemos base para estudar essa opção", declarou Ryabkov a repórteres.


Sergei Ryabkov
Sergei Ryabkov © Sputnik / Valery Melnikov

O diplomata sênior ressaltou na mesma ocasião que a Rússia "tem uma longa história de cooperação com o governo do Afeganistão no campo da segurança".

"Essa colaboração aumenta e se concentra nas áreas que nunca foram cobertas no âmbito desse tipo de cooperação", acrescentou.

O Afeganistão está passando por instabilidade devido aos ataques lançados pelo Talibã e, desde 2015, o grupo terrorista Daesh, apesar da forte presença militar dos Estados Unidos e seus aliados.

Recentemente, Moscou intermediou contatos entre autoridades afegãs e membros do Talibã, como forma de que se busque uma saída negociada para o conflito sem fim no país.

Postar um comentário

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas