Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

Torre do Exército que faz parte do Sisfron é alvo de ladrões na BR-163 (VIDEO)

Uma torre do Exército foi alvo de ladrões. Ela fica ás margens da Br-163 entre o distrito de Anhanduí e Nova Alvorada do Sul.

Forças Terrestres

O curioso é que a torre faz parte do Sistema Sisfron, criado para aumentar a segurança na região de fronteira.


Resultado de imagem para Torre do Exército que faz parte do Sisfron é alvo de ladrões na BR-163
Reprodução

Orçado em R$ 12 bilhões, o Sisfron – Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras pretende fortalecer a capacidade de ação do Exército na faixa de fronteira do país, uma área uma área de 1,2 milhão de quilômetros quadrados. Por esta razão, o Sisfron é considerado o maior sistema de monitoramento de fronteiras do mundo.

FONTE: SBT MS


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas