Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Empresa chinesa faz peças para F-35? Revelação surge em meio a polêmicas envolvendo Huawei

Em meio à briga contínua entre os EUA e a gigante tecnológica chinesa Huawei, classificada como ameaça à segurança por Washington, verificou-se que uma subsidiária com sede no Reino Unido de uma companhia chinesa fabrica peças para os jatos americanos F-35.
Sputnik

Trata-se da companhia chinesa Exception PCB, com sede no condado britânico de Gloucestershire, que fabrica placas de circuitos que controlam os motores, iluminação, combustível e sistemas de navegação dos caças F-35 – o sistema de armas mais caro já feito.

De acordo com a emissora britânica Sky, citando materiais divulgados pelo Ministério da Defesa do Reino Unido, a empresa que fabrica componentes para os caças da Lockheed Martin foi comprada em 2013 pela companhia chinesa Shenzhen Fastprint, que inclusive já participou da fabricação de caças Eurofighter Typhoon e de helicópteros de ataque Apache.

"A Exception PCB, com sede em Gloucestershire, fabrica placas de circuito impresso que controlam muitas das principais capacid…

Ucrânia não consegue entregar aos EUA um único tanque

Kiev não conseguiu fornecer a Washington o único exemplar do tanque de combate principal Oplot, cuja venda foi anunciada ainda em fevereiro do ano passado.


Sputnik

Segundo escreve o blog do Centro de Análise de Estratégias e Tecnologias russo bmpd, estava previsto que o veículo blindado seria entregue e entraria em serviço do Exército americano depois que a Ucrânia tivesse cumprido suas obrigações no âmbito do contrato com a Tailândia, assinado ainda em 2011, e fornecido os mesmos tanques ao país asiático. O consórcio estatal Ukroboronprom anunciou que concluiu as entregas em março de 2018.


1629223_original
Tanque ucraniano Oplot | Foto de janeiro de 2019

No entanto, já em junho revelou-se que é pouco provável que o Pentágono receba o veículo de combate.

O contrato que previa a exportação do tanque ucraniano Oplot aos EUA foi firmado ainda em 2012, mas seu custo de produção aumentou quatro vezes em 7 anos.

De acordo com os dados à disposição do Centro russo, o contrato entre a Ucrânia e os EUA foi rompido de comum acordo em junho do ano passado.

O tanque T-84 Oplot é o desenvolvimento mais recente de tanques ucranianos e herdeiro do veículo blindado soviético T-80UD, ele é dotado de um motor a diesel. O primeiro T-84 foi projetado em 1994 e entrou em serviço das Forças Armadas da Ucrânia em 1999.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas