Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Marinha do Brasil prevê inaugurar estação na Antártica em 2020, oito anos após incêndio

Obra é executada por uma empresa chinesa e, segundo a Marinha, se aproxima do final. Incêndio em 2012 destruiu estação, e dois militares morreram.
Por Guilherme Mazui | G1 — Brasília

Passados sete anos desde o incêndio que destruiu a Estação Antártica Comandante Ferraz, a Marinha prevê inaugurar a nova estação em março de 2020.

Executada pela empresa chinesa Ceiec, a obra se aproxima do final, segundo a Marinha, que prevê concluir as obras civis e a instalação de máquinas e mobiliário até 31 de março, iniciando um período de testes do complexo científico até março de 2020. Após os testes, a estação poderá receber militares e pesquisadores.

"A previsão de inauguração é março de 2020, quando os pesquisadores e o Grupo-Base [de militares] deverão ocupar em definitivo as instalações da nova Estação Antártica Comandante Ferraz", informou a Marinha ao G1.

Com investimento de US$ 99,6 milhões, o complexo receberá profissionais que atuam no Programa Antártico Brasileiro (Proantar), criad…

EUA realizam teste de míssil balístico intercontinental (VÍDEO)

Os militares dos EUA testaram um míssil balístico intercontinental Minuteman III, a transmissão foi realizada no site do Pentágono.


Sputnik

O lançamento ocorreu em 5 de fevereiro às 23h01, no horário do Pacífico dos EUA (05h01, horário de Brasília), na base americana de Vandenberg, na Califórnia. O vídeo do lançamento foi publicado no canal Defense Flash News no YouTube.


Lançamento de míssil balístico Minuteman III (foto de arquivo)
© AP Photo / Foto de arquivo, Força Aérea dos EUA

A ogiva desarmada do míssil deveria atingir um alvo na região do atol de Kwajalein, no oceano Pacífico. Até agora, ainda não foi relatada qualquer informação oficial sobre como os testes teriam decorrido.

Este lançamento foi o primeiro em 2019. No passado, os militares testaram o Minuteman III por três vezes. Os mísseis balísticos intercontinentais de três estágios da família Minuteman, equipados com ogivas nucleares, foram desenvolvidos no período da Guerra Fria com a União Soviética.

Hoje, o Minuteman III é o único míssil balístico intercontinental de baseamento terrestre que está em serviço dos EUA. Segundo os últimos dados de fontes públicas, no total os EUA dispõem de 450 mísseis Minuteman III, que permanecerão em serviço até pelo menos 2020. O Minuteman III entrou pela primeira vez em serviço em 1970. Sua produção cessou em 1978. O míssil pode atingir um alvo em um raio de 12 mil quilômetros.

Mais cedo se tornou conhecido que a Rússia lançou com éxito em 6 de fevereiro um míssil balístico intercontinental Yars. O foguete foi lançado às 11h31, horário de Moscou (06h31, horário de Brasília). O objetivo do lançamento era confirmar as características táticas, técnicas e de voo do sistema de mísseis promissores, todas as tarefas foram concluídas com sucesso.

O primeiro lançamento do míssil Yars foi realizado em 29 de maio de 2007. O sistema Yars inclui dez mísseis 15Z67. Graças ao novo motor, o míssil entra na estratosfera mais rapidamente. Além disso, o seu corpo é coberto com uma camuflagem que absorve as ondas de rádio. Sua autonomia de voo é de cerca de 12 mil km. Diferentemente das versões anteriores, o Yars pode portar quatro ogivas nucleares e o mesmo número de alvos falsos para enganar os projéteis interceptores do inimigo.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas