Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Trump diz que 'certamente' entraria em guerra com o Irã, mas 'não agora'

O presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que consideraria uma ação militar contra o Irã para impedir que a República Islâmica consiga armas nucleares. A briga entre Teerã e Washington aumentou depois que os EUA acusaram o Irã de atacar dois petroleiros.
Sputnik

"Eu certamente vou considerar as armas nucleares", disse Trump à revista Time na terça-feira, quando perguntado sobre o que poderia levá-lo a declarar guerra ao Irã. "E eu manteria o outro um ponto de interrogação".

A reportagem não especificou se o presidente elaborou o cenário de lançar um conflito armado de pleno direito com a República Islâmica sobre seu programa nuclear. Quando um repórter perguntou a Trump se ele estava considerando uma ação militar contra o Irã agora, ele respondeu: "Eu não diria isso. Eu não posso dizer isso".

Seus comentários foram feitos um dia depois de o Pentágono ter enviado 1.000 soldados extras para o Oriente Médio "para fins defensivos".

Os Estados Unidos cu…

Mais uma foto do primeiro caça Gripen E brasileiro em montagem final

O primeiro caça monoposto Saab Gripen E destinado ao Brasil apareceu em mais uma imagem sendo fabricado em Linköping, Suécia. O avião entrou no estágio 2 da montagem final e está no caminho para seu primeiro voo de teste este ano.


Poder Aéreo

Conal Walker, porta-voz da Saab, disse ao Jane’s em 31 de janeiro que há três etapas na montagem final.



O estágio 1 é o local onde a maioria das instalações, como cabos e tubulações, é feita.

O estágio 2 inclui a montagem da aviônica, a unidade de energia auxiliar (APU), o motor, o radar, o cockpit e o pára-brisa.

O estágio 3 é a verificação da aeronave completa, carregamento do software e sistema de simulação da aeronave no solo.

Uma vez que o estágio 3 esteja concluído, o trabalho final é feito no hangar de entrega, seguido pelos voos de teste, quando o avião será apresentado aos pilotos brasileiros.

A Saab planeja entregar a primeira aeronave de teste Gripen E para o Brasil em 2019. Os aviões deverão começar a entrar em operação a partir de 2021 na Força Aérea Brasileira.

O contrato com o Brasil prevê a entrega de 28 caças Gripen E monopostos e 8 bipostos Gripen F (que estão sendo projetados no Brasil) entre 2019 e 2024.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas