Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

Mais uma foto do primeiro caça Gripen E brasileiro em montagem final

O primeiro caça monoposto Saab Gripen E destinado ao Brasil apareceu em mais uma imagem sendo fabricado em Linköping, Suécia. O avião entrou no estágio 2 da montagem final e está no caminho para seu primeiro voo de teste este ano.


Poder Aéreo

Conal Walker, porta-voz da Saab, disse ao Jane’s em 31 de janeiro que há três etapas na montagem final.



O estágio 1 é o local onde a maioria das instalações, como cabos e tubulações, é feita.

O estágio 2 inclui a montagem da aviônica, a unidade de energia auxiliar (APU), o motor, o radar, o cockpit e o pára-brisa.

O estágio 3 é a verificação da aeronave completa, carregamento do software e sistema de simulação da aeronave no solo.

Uma vez que o estágio 3 esteja concluído, o trabalho final é feito no hangar de entrega, seguido pelos voos de teste, quando o avião será apresentado aos pilotos brasileiros.

A Saab planeja entregar a primeira aeronave de teste Gripen E para o Brasil em 2019. Os aviões deverão começar a entrar em operação a partir de 2021 na Força Aérea Brasileira.

O contrato com o Brasil prevê a entrega de 28 caças Gripen E monopostos e 8 bipostos Gripen F (que estão sendo projetados no Brasil) entre 2019 e 2024.

Comentários

Postagens mais visitadas