Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.
Sputnik

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.
A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetida…

Marinheiro embriagado dos EUA é preso após invadir residência no Japão para tomar banho

Um marinheiro americano foi preso no Japão, após invadir um apartamento para tomar banho.


Sputnik

O suboficial de 2ª classe, Nathaniel Williams, de 27 anos, é acusado de ter invadido uma casa na cidade de Ebina, localizada em Kanagawa. O marinheiro foi encontrado nu, já que havia tomado banho no apartamento de um casal, segundo a mídia local.


Imagem relacionada
Base naval norte-americana Atsugi, no Japão | Reprodução

Apesar do episódio, não há evidências de arrombamento, pois a porta estaria destrancada. Segundo oficiais da Marinha, Williams faz parte do Departamento de Manutenção de Aeronaves da Marinha dos EUA na base de Atsugi, sendo a maior base aérea da Marinha dos EUA no oceano Pacífico, informou o portal military.com.

O morador de 44 anos de idade escutou um ruído no banheiro, entretanto, pensou que fosse um familiar que estava tomando banho, porém, quando o marinheiro nu saiu do banheiro, o morador acordou sua mulher e acionou a polícia local.

Com a chegada da polícia, Williams foi preso por ter invadido a propriedade privada. Em declaração ao portal Stars and Stripes, as autoridades locais afirmaram que o marinheiro exalava álcool no momento da prisão.

Momentos após a prisão, Williams admitiu que estava embriagado e que não se lembrava de como havia entrado na residência. A Marinha dos EUA, por sua vez, afirmou que vai acompanhar e cooperar com a polícia local.

"Com certeza, a Marinha leva isso muito a sério e continuará cooperando totalmente com aplicação da lei local, bem como com o prosseguimento da investigação", afirmou Sam Samuelson, encarregado pelas relações públicas da base aérea dos EUA em Atsugi.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas