Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Reino Unido reforçará sua presença militar no Ártico para se opor à Rússia, diz mídia

O ministro da Defesa britânico, Gavin Williamson, disse que o Reino Unido pretende reforçar a presença militar no Ártico para “proteger” o flanco norte da OTAN das ações da Rússia, segundo o diário The Telegraph.
Sputnik

Segundo o jornal, mais de 1.000 fuzileiros navais da Marinha britânica farão treinamentos anuais com colegas noruegueses no âmbito de um programa previsto para dez anos, formando no futuro próximo um novo destacamento, assinalou Williamson durante uma visita à base militar em Bardufoss, na Noruega.


O ministro britânico mencionou também que o Reino Unido enviará no próximo ano para a região do Ártico um avião de patrulha marítima Poseidon P8 para vigiar a atividade crescente dos submarinos russos.

"Queremos melhorar nossas capacidades em condições de temperaturas abaixo de zero, aprendendo com antigos aliados, tais como a Noruega, ou monitorando as ameaças submarinas com nossos aviões Poseidon. Nos manteremos atentos a novos desafios", afirmou Williamson.

O minist…

No Iraque, paramilitares acusam Daesh por ataque a ônibus de peregrinos

As Forças Populares de Mobilização Paramilitares do Iraque acusaram o Daesh de ser responsável por um ataque a um ônibus que levava peregrinos ao sul da cidade de Balad.


Sputnik

No domingo (3), o ônibus que levava os peregrinos para um mausoléu Xiita em Balad foi atingido por uma explosão de uma bomba posta ao lado da estrada. Informações iniciais apontam que houve mortes entre os peregrinos do ônibus.


Militar das forças antiterroristas iraquianas perto de um graffiti mostrando o emblema do Daesh, Iraque (foto de arquivo)
Militar iraquiano em área antes dominada pelo Daesh © AP Photo / Hadi Mizban

"Nesta noite, militantes do Daesh realizaram um ataque a um ônibus que carregava peregrinos do Irã, próximo a Balad. Como resultado, ao menos 7 peregrinos iranianos ficaram feridos, ao lado de um iraquiano", disse a organização paramilitar através de um comunicado publicado ainda no domingo (3) no site oficial do grupo.

A 43ª brigada dos paramilitares tem atacado áreas da região de Balad em um movimento para capturar militantes da organização terrorista que fugiram do local da explosão logo após o ataque.

O grupo paramilitar iraquiano, também conhecido como Al-Hasd Al-Shaabi, tem dado apoio aos militares iraquianos em sua luta contra o Daesh.

Comentários

Postagens mais visitadas