Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

Prestes a 'ganhar' território do tamanho da Arábia Saudita, Brasil carece de recursos para defesa

A ONU deve ratificar no próximo mês, o pleito brasileiro em estender sua faixa de águas jurisdicionais em pelo menos 2,1 milhões de km², uma área equivalente à extensão da Arábia Saudita. Para especialista ouvido pela Sputnik Brasil, movimento precisa vir acompanhado de modernização da Marinha.
Sputnik

Como a Sputnik Brasil mostrou em maio, a demanda já dura há pelo menos 30 anos e tem relação com medições técnicas sobre o ponto onde termina o Brasil continental e até onde é lícito explorar as águas do entorno. O mar territorial brasileiro têm atualmente cerca de 12 milhas náuticas (22 quilômetros) na faixa de água e uma zona econômica exclusiva de 200 milhas náuticas (370 quilômetros). Na parte de solo e sub-solo, área na qual o Brasil pleiteia a extensão, há um limite de mais 200 milhas regulamentadas.

Responsável pela proteção da área oceânica, a Marinha brasileira vem desenvolvendo pesquisas na região desde 2004. Os militares já identificaram potencial possibilidade de exploração de …

Pentágono manda mais tropas para fronteira com México

De acordo com um comunicado do Departamento de Defesa dos EUA, forças adicionais serão enviadas para a fronteira sudoeste do país com o México por três meses, como forma de fornecer apoio aos agentes alfandegários e de fronteira.


Sputnik

A medida elevará o número de forças ativas dos EUA no suporte aos agentes da Alfândega e Proteção das Fronteiras (CBP) para aproximadamente 4.350, informou a Reuters.


Um marco entre a fronteira dos EUA-México é visto da reserva de Tohono O'odham que atravessa o México em Chukut Kuk e o Arizona.
Marco na fronteira EUA-México © REUTERS / Rick Wilking

"O Departamento de Defesa mobilizará aproximadamente 3.750 militares adicionais dos EUA para fornecer apoio adicional ao CBP na fronteira sudoeste", informou o serviço de imprensa do Pentágono.

Além disso, as capacidades da vigilância móvel na fronteira também serão ampliadas, segundo o Pentágono.

Em 31 de janeiro, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou em um tweet o envio de forças dos EUA para a fronteira mexicana "para impedir a tentativa de invasão de ilegais".

No final de janeiro de 2019, o secretário de Defesa Patrick Shanahan anunciou que o Pentágono se preparava para enviar "vários milhares" de tropas adicionais à fronteira do México com os EUA, respondendo a um pedido do Departamento de Segurança Interna dos EUA.

Anteriormente, o subsecretário de Defesa para Políticas, John Rood, disse ao Congresso que as autoridades americanas estão rastreando três caravanas de migrantes da América Central que supostamente seguem para a fronteira EUA-México, a maior das quais teria mais de 12 mil imigrantes.

Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS

Postagens mais visitadas